Venezuelanas vendem os próprios cabelos para comprar comida, fraldas e remédios

Vivendo em uma situação de crise econômica alarmante graças ao socialismo, os venezuelanos se sacrificam de diversas maneiras para sobreviver. Além de caçarem animais para se alimentar e da crescente prostituição infantil no país, as mulheres encontraram uma nova maneira para conseguir arrecadar um pouco de dinheiro para mantimentos básicos como comida, fraldas e remédios: vender seus cabelos. A compra e venda acontece em uma ponte que liga a cidade venezuelana de San Antônio à colombiana La Parada.

Cerca de 200 mulheres por dia negociam cabelos no local. Os valores arrecadados por elas podem chegar a 60 mil pesos (cerca de 80 reais), o equivalente ao salário mínimo oficial no país. As mulheres passam algumas horas nas filas para vender seus cabelos e depois vão comprar mantimentos com os filhos no colo.

Vaquinha O ILISP comprou o domínio "aborto.com.br" e lançará uma campanha pró-vida, mas isso exige recursos. Os interessados em ajudar podem fazê-lo por meio do botão abaixo:

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here