“Fla-Flu político” é uma mentira: criticar o governo não significa defender a “oposição”

“Ain parem de fazer torcida política, parem transformar algo tão sério em futebol.”

2016, e ainda escuto isso.

É realmente alarmante a quantidade de pessoas que insistem no argumento de que “temos que evoluir esse Fla-Flu político”, na tentativa de elevar o tom das conversas politizadas da internet.

Não que isso não exista por completo, mas timeficar para desmerecer críticas ao governo é uma falácia doentia.

Muito além de buscar uma posição de “isentão”, este cidadão timeficador (por “coincidência”, geralmente um eleitor do PSOL) acredita que todos, TODOS estão errados, e ele, supra-humano que é, detém o caminho, a verdade e a luz. Um bastião de sabedoria, como sempre.

Só que não.

Afinal, quem é que disse que, para ser CONTRA o atual governo, é preciso, necessariamente, ser a favor de alguma “oposição” partidária, qualquer que seja?

Não, não, vocês estão desinformados: a gente é contra. E só.

Em Fla-Flu existem dois grupos, cada um torcendo por seu próprio lado. Desculpe-me, mas eu não consigo entender como eu estaria torcendo pra alguém.

Cansa. Sempre que critico a imbecilidade gerencial deste governo (para mim, um problema infinitamente maior do que a corrupção), escuto a ladainha: “Ain, pare de falar mal do governo! Você precisa sair dessa de Fla-Flu político, cara!”

MAS QUE DIABO É ISSO? Se para você, criticar o governo é defender a “oposição”, quem tá com a cabeça no futebol É VOCÊ!

Alguém traz de volta, por favor, aquela galera de esquerda que, mesmo contrária a minha opinião, sabia discutir um tanto quanto melhor do que um filhote de maritaca?

Além de não existir torcida, existe uma ÚNICA pessoa responsável pela divisão futebolística do “nós contra eles”, que é seu “Deus Pai todo poderoso, criador do céu e da Terra”: Lula.

A galera “do contra” – que hoje está em 93% da população – não quer nem time nem outro, ela quer fazer um novo campeonato pra não ter que implodir o estádio. Quem vai pra rua defender um lado só é a galera vermelha.

Mas não, vocês acham que todo mundo é PSDB.

A mídia é PSDB, o judiciário é PSDB, e 93% da população do país é do PSDB, mas a “maioria” ainda assim elegeu uma petista: ou vocês estão mentindo ou concordam com a suspeita de fraude eleitoral.

Acordem: essa timeficação pode até existir, mas só beneficia a quem sai gritando sua existência por aí.

Vaquinha O ILISP tem atuado contra a legalização do aborto e em defesa do direito à vida no STF. Para custear a causa, lançamos uma vaquinha. Os interessados em nos ajudar podem fazê-lo por meio do botão abaixo:

2 COMENTÁRIOS

  1. Quando você vê muita gente que se achava ser honestos e eticos comprando ideias implementadas pelo governo pra desviar a atenção das falcatruas contra o País que devem ser julgadas de forma clara, isso só pode ser uma timeficação desproporcional!

  2. A diferença principal entre FlaXFlu político e uma discussão política rica não é ter ou não um outro lado para apoiar, mas sim a objetividade do seu posicionamento. Um torcedor do Fluminense nunca mudará de time, mesmo que ele caia para a terceira divisão! Para ele, o Fluminense é e sempre será o melhor time do mundo. Se você protege o partido e se recusa a abandona-lo independente do que ele tem feito para o país, é FlaxFlu político. Se você está disposto a ouvir todos os lados e se reposicionar quando parecer sensato, então não é mais FlaXFlu.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here