Rede Globo: a mídia de esquerda que agora legisla por mais estado nos preços das festas

De todos os espantalhos da esquerda que ouvimos, o pior, de longe, é que a Rede Globo pertence à “direita conservadora”. A maior parte do elenco da emissora é declaradamente eleitora do PSOL / PT, defende o desarmamento, posiciona-se a favor da CLT enquanto possui pessoa jurídica para fugir da legislação trabalhista e boa parte da programação da emissora defende e propaga abertamente ideias de esquerda.

As novelas são bons exemplos de como essa propaganda acontece, mesmo que de forma sutil. Uma cena da novela “Amor à Vida” chegou inclusive a divulgar em horário nobre um livro sobre Che Guevara, um dos piores assassinos e psicopatas do Século XX. Nos dias atuais, a série “Os Dias Eram Assim” tem como plano de fundo o excessivamente explorado período da ditadura militar, onde os terroristas da esquerda são representados como mocinhos inocentes que lutavam por “democracia” e não igualmente por uma ditadura, mas de viés socialista/comunista.

A atual novela das 21 horas, “A Força do Querer”, tem como uma das protagonistas a personagem Ivana, que está se descobrindo transgênero, uma das atuais pautas da militância de esquerda. Algumas semanas antes da estreia da referida novela, o Fantástico apresentou uma série chamada “Quem Sou Eu?” que debatia a temática da “identidade de gênero”, inclusive trazendo “crianças trans”. Era uma visível tentativa da emissora de tentar introduzir o tema que seria abordado da novela na cabeça dos telespectadores da mesma faixa de horário.

O “Fantástico”, aliás, merece uma análise mais detida. É nítido que o programa, mais editorialmente livre do que o jornalismo tradicional, é utilizado pela emissora para pautar o debate no Congresso, no governo ou na sociedade, geralmente com uma pauta de maior intervenção estatal. O exemplo mais recente foi a matéria tendenciosa que o programa levou ao ar no domingo retrasado (25 de junho) sobre a diferença que homens e mulheres pagam para entrar em casas de shows e festas.

Com muito mais tempo destinado à defender a pauta de intromissão estatal na definição dos preços, mulheres falando da farsa da “diferença de salário” propagada pelo movimento feminista e tratando a livre definição de preços como “abuso” a “ser combatido”, a matéria é um show de desinformação. O mais hilário foi que as frequentadoras desses locais foram entrevistadas e, para sair bem no vídeo, concordavam com a argumentação do repórter que tentava induzi-las a concordar com a pauta. Será que elas realmente aceitariam pagar mais caro para entrar na festa caso o aumento fosse automático, na mesma hora em que foram entrevistadas?

Cabe fazer uma menção à decisão da juíza substituta Caroline Santos Lima, que deu origem à matéria, alegando que era a “prática ilegal e abusiva” baseada em um tom cercado de militância, incluindo “argumentos” como “a mulher não pode ser usada como isca” e respeito à “dignidade das mulheres”. Eu sou mulher e garanto que essa prática não fere minha dignidade porque acredito que as mulheres são livres para frequentar lugares que oferecem a vantagem de economia na hora da entrada. Se essas mulheres frequentam esses lugares, obviamente, discordam da opinião da juíza ou simplesmente não se importam com isso. O caso ainda foi encaminhando para o Ministério Público, numa lógica surreal o suficiente para transformar o estado em porteiro e caixa de boate.

A questão, entretanto, não parou por aí. No programa do último domingo (2 de julho), o Fantástico transmitiu nova matéria que mostrou que a Rede Globo atuou para legislar sobre o assunto. De acordo com uma declaração feita pelo Secretário Nacional de Defesa do Consumidor – Arthur Rollo, ex-advogado da campanha de Celso Russomanno (PRB) – haverá uma nota técnica (que sequer está disponível no site do Ministério da Justiça, ou seja, a Rede Globo teve acesso à decisão antes do público) proibindo que os donos de boates, bares e restaurantes cobrem preços diferentes para homens e mulheres, alegando que isso viola “o princípio da dignidade da pessoa humana”. Detalhe: a medida foi baseada na reportagem da Rede Globo. Ou seja: ser mulher e pagar menos é “ser objetificada” e “ter sua dignidade humana ferida”. A Rede Globo, em uma semana, conseguiu inventar uma “luta de classes” imaginária entre homens e mulheres e, na prática, legislar contra o que a sua linha editorial considera abusivo.

Em um país onde delação premiada só vale quando é feita contra o político do partido adversário, bandido milionário foge para os Estado Unidos com a benção da justiça, senador corrupto volta ao cargo como se nada tivesse acontecido e o líder da quadrilha política continua solto e provavelmente será candidato à Presidência da República, ter uma emissora que dissemina as ideias de esquerda sendo chamada de “direita” e se transformando em órgão legislador paralelo nem surpreende mais. Mas nem por isso deve deixar de ser repudiado.

26 COMENTÁRIOS


  1. Deprecated: get_user_by_email está obsoleto desde a versão 3.3.0! Use get_user_by('email') em seu lugar. in /var/www/html/wp-includes/functions.php on line 5211
    Dilson

    Apenas discordo, de tudo o que foi escrito, da questão dos transexuais.Trata-se de um fenômeno social , de uma realidade que ocorre com uma minoria de pessoas.Foge da polarização esquerda / direita.


    • Deprecated: get_user_by_email está obsoleto desde a versão 3.3.0! Use get_user_by('email') em seu lugar. in /var/www/html/wp-includes/functions.php on line 5211
      Marco da direita #bolsomito2018

      Então Dilson você acha correto ensinar ideologia de gênero para uma criança


  2. Deprecated: get_user_by_email está obsoleto desde a versão 3.3.0! Use get_user_by('email') em seu lugar. in /var/www/html/wp-includes/functions.php on line 5211
    Dorival Moreira da Cruz

    Há tempos parte grande da esquerda nem pensa nas questões de comportamento. Descobrimos que o nosso problema é mais embaixo. Nem voto esse país respeita.


  3. Deprecated: get_user_by_email está obsoleto desde a versão 3.3.0! Use get_user_by('email') em seu lugar. in /var/www/html/wp-includes/functions.php on line 5211
    Aden

    Sendo assim, seus idiotas comunas de merdha, então a mulher teria que concorrer em pé de igualdade numa prova de esforço físico em um concurso público para não ser “objetificada” e “ter sua dignidade humana ferida”? É assim que tem que ser?
    Então uma trabalhadora ao ter um filho teria que voltar a trabalhar mais cedo, para não ser ferida em sua dignidade?
    Putz! Tem gente que só fala merdha.


  4. Deprecated: get_user_by_email está obsoleto desde a versão 3.3.0! Use get_user_by('email') em seu lugar. in /var/www/html/wp-includes/functions.php on line 5211
    Evandro Maciel

    Vc ainda não mencionou aquele programa “Conversa com Bial” que é de uma esquerdice sem precedentes. Além de ser chato, o entrevistador fica tentando forçar os entrevistados dar as respostas esquerdistas que ele quer ouvir.
    A minha mãe adora assistir as novelas, mas se não fosse por esse gosto dela, não haveria Rede Globo dentro da minha casa.


  5. Deprecated: get_user_by_email está obsoleto desde a versão 3.3.0! Use get_user_by('email') em seu lugar. in /var/www/html/wp-includes/functions.php on line 5211
    Renan

    A diferença de preços apenas relefte o fato que homens no geral estão mais dispostos a pagar pela oportunidade de sexo casual do que mulheres.

    Com preços iguais, teremos 2 cenarios possiveis:

    1) Baladas com muito mais homens do que mulheres, tornando o ambiente desagradavel para ambos os sexos

    2) As casa noturnas terão de formar 2 filas, uma so de homens, outra so de mulheres, para controlar a quantidade de homens que entram para equilibrar o ambiente. Se antes entrava o homem com mais dinheiro, agora entre o homem que chega primeiro, provavelmente o mais tarado e com mais tempo livre. Ou seja, as mulheres serão as mais prejudicadas.

    Tudo em nome da negação politicamente correta de uma realidade óbvia: tanto homens quanto mulheres são objetos um para o outro no sentido sexual, e atream um ao outro. Nada mais natural. Mas a esquerda é uma super-repressão dos instintos disfarçada de progressismo.


  6. Deprecated: get_user_by_email está obsoleto desde a versão 3.3.0! Use get_user_by('email') em seu lugar. in /var/www/html/wp-includes/functions.php on line 5211
    Bordin Burke

    Eu avisei que isto iria acontecer há exatamente uma semana – se puderem publicar o link. Parabéns a Vanessa pela sacada. Também me chamou a atenção a própria “otoridade” admitindo em público que a “orientação” às casas noturnas (que na verdade é imposição, pois seu descumprimento será punido com multa) foi baseada na matéria da Globo. Quer dizer que meia dúzia de meninas entrevistadas no Vila Mix são amostragem suficiente para falar por todos os brasileiros? Façam-me o favor…

    https://bordinburke.wordpress.com/2017/06/26/estado-quer-interferir-ate-no-preco-da-balada/


    • Deprecated: get_user_by_email está obsoleto desde a versão 3.3.0! Use get_user_by('email') em seu lugar. in /var/www/html/wp-includes/functions.php on line 5211
      Renan Duarte

      além de elas gostarem da medida, que é muito econômica para elas (e para eles também, por que nenhum homem iria a uma festa onde há menos mulheres).


  7. Deprecated: get_user_by_email está obsoleto desde a versão 3.3.0! Use get_user_by('email') em seu lugar. in /var/www/html/wp-includes/functions.php on line 5211
    Marcel Campos Antunes

    E tem um detalhe que com certeza a globo não falou. Quando o valor do ingresso das festas é calculado, o valor entre homens e mulheres é diferenciado, principalmente em festas com bebidas e comidas liberadas, porque os homens, em geral, comem e bebem mais que as mulheres. Logo, se um cliente consome mais vai acabar pagando mais. Essa é a lógica.


  8. Deprecated: get_user_by_email está obsoleto desde a versão 3.3.0! Use get_user_by('email') em seu lugar. in /var/www/html/wp-includes/functions.php on line 5211
    Jonny Hawke

    Faz tempo que não vejo TV aberta e nem a cabo. Quando vejo geralmente é o SBT ou a Band. A globo faz anos que passo longe. Agora só rindo da cara dos melitantes esquerdista dizendo que a Globo é de direita.


  9. Deprecated: get_user_by_email está obsoleto desde a versão 3.3.0! Use get_user_by('email') em seu lugar. in /var/www/html/wp-includes/functions.php on line 5211
    Rafael D Acosta

    Não faz sentido nenhum o estado definir as práticas de preços da balada!! Isso só gera distorções e atrapalha a vida das pessoas. Só acho já que a pauta é a Globo faltou no último parágrafo na descrição do país falar também de “um país onde a elite do funcionalismo público reescreve a constituição em nome da caça impiedosa aos corruptos quando na verdade só busca preservar seus direitos pomposos oferecidos pelo papai Estado!!” Precisamos tomar muito cuidado com essa pauta anti-políticos pois eles são cria do Estado, deveríamos nos focar na pauta por menos Estado. Caça as bruxas não combina com idéias liberais!


  10. Deprecated: get_user_by_email está obsoleto desde a versão 3.3.0! Use get_user_by('email') em seu lugar. in /var/www/html/wp-includes/functions.php on line 5211
    Carlos R Domingues

    O que o estado realmente quer é legislar sobre o empreendedor. Quanto mais regulações, menos pessoas para empreender por medo de levar prejuízos. Menos empreendedores, mais fácil para o estado controlar


  11. Deprecated: get_user_by_email está obsoleto desde a versão 3.3.0! Use get_user_by('email') em seu lugar. in /var/www/html/wp-includes/functions.php on line 5211
    Vinicius

    Vanessa Rodrigues parabéns pelos argumentos, apesar de não ter se aprofundado no contexto do por que essa diferença de valores em baladas e por que n é certo interferir na pontuação comercial aplicada pelas boates, ainda sim passou muita indignação de muitas pessoas q n suportam esse canhotismo descarado


    • Deprecated: get_user_by_email está obsoleto desde a versão 3.3.0! Use get_user_by('email') em seu lugar. in /var/www/html/wp-includes/functions.php on line 5211
      Vanessa Rodrigues

      Obrigada! =)


  12. Deprecated: get_user_by_email está obsoleto desde a versão 3.3.0! Use get_user_by('email') em seu lugar. in /var/www/html/wp-includes/functions.php on line 5211
    Luis Guerreiro

    Eu acho isso uma puta babaquisse, uma vez que o produto teoricamente é o mesmo (Digo teoricamente pois nesse caso as mulheres que pagam mais barato são o produto, muito lindo as feministas reclamando de desigualdade, mas na hora de ir em festa Mulher FREE\Homem 50 como animais indo para o abate, elas adoram…De qualquer forma concordo com o texto, o estado tem que ficar calado no canto dele, se as mulheres gostam de ser carne de churrasco e os homens de pagar seu próprio ingresso e o das outras minas que eles não vão pegar, problema dos dois, parece que o conceito de liberdade está cada vez mais deturpado atualmente, as pessoas praticamente imploram pro estado torna-las escravas.


  13. Deprecated: get_user_by_email está obsoleto desde a versão 3.3.0! Use get_user_by('email') em seu lugar. in /var/www/html/wp-includes/functions.php on line 5211
    Luis Guerreiro

    Eu acho isso uma puta babaquisse, uma vez que o produto teoricamente é o mesmo (Digo teoricamente pois nesse caso as mulheres que pagam mais barato são o produto, muito lindo as feministas reclamando de desigualdade, mas na hora de ir em festa Mulher FREE\Homem 50 como animais indo para o abate, elas adoram…De qualquer forma concordo com o texto, o estado tem que ficar calado no canto dele, se as mulheres gostam de ser carne de churrasco e os homens de pagar seu próprio ingresso e o das outras minas que ele não vão pegar, problemas dos dois, parece que o conceito de liberdade está cada vez mais deturpado atualmente, as pessoas praticamente imploram pro estado torna-las escravas.


  14. Deprecated: get_user_by_email está obsoleto desde a versão 3.3.0! Use get_user_by('email') em seu lugar. in /var/www/html/wp-includes/functions.php on line 5211
    Guilherme

    Propriedade privada!! …Estado não tem que se meter …vc quer preço igual construa a sua propria balada …


  15. Deprecated: get_user_by_email está obsoleto desde a versão 3.3.0! Use get_user_by('email') em seu lugar. in /var/www/html/wp-includes/functions.php on line 5211
    Gabriel Couto

    Eu acho justo. O homem que arca com os custos do ingresso feminino.

    que é mais ou menos a mesma lógica da meia entrada e a cheia. Quem paga a cheia, está pagando por quem paga meia.
    E se o público é todo meia, quem paga cheia toma no cu.

    Se o produto é o mesmo, nada mais justo que pagar o mesmo preço.


    • Deprecated: get_user_by_email está obsoleto desde a versão 3.3.0! Use get_user_by('email') em seu lugar. in /var/www/html/wp-includes/functions.php on line 5211
      Marcelo Faria

      Quem deve definir o preço da entrada é o dono do local, e o público pode decidir se paga ou vai para outro local. Não o estado.
      E isso deve servir tanto para homens e mulheres quanto para estudantes ou não.


      • Deprecated: get_user_by_email está obsoleto desde a versão 3.3.0! Use get_user_by('email') em seu lugar. in /var/www/html/wp-includes/functions.php on line 5211
        Raphael

        Isso fere ao princípio de “todos são iguais perante a lei”. Se você acha que o dono do local pode cobrar diferentes preços de diferentes grupos, o que impediria um dono de boate cobrar o tríplo do valor para entrada de negros?

        Sou liberal e a favor do estado mínimo, mas neste caso acho justo o Estado intervir para que todos sejam igualmente tratados, sem discriminação.


        • Deprecated: get_user_by_email está obsoleto desde a versão 3.3.0! Use get_user_by('email') em seu lugar. in /var/www/html/wp-includes/functions.php on line 5211
          Marcelo Faria

          “Sou liberal, mas” não é liberal. Quem deve definir o preço é o proprietário, não você, eu ou o estado. O dono do local já cobra preços diferentes para tudo, de bebidas e comidas até locais (camarote ou não, por exemplo).


        • Deprecated: get_user_by_email está obsoleto desde a versão 3.3.0! Use get_user_by('email') em seu lugar. in /var/www/html/wp-includes/functions.php on line 5211
          Ex-microempresário

          Nada impediria um dono de boate cobrar o triplo do valor para negros ou para brancos.

          A diferença é que se ele cobrasse o triplo para negros, correria sério risco de ser assassinado.

          Já se cobrasse o triplo para brancos, seria elogiado pelo sua postura “progressista”, “multicultural”, “tolerante”, “inclusiva”, e provavelmente “justa”.


    • Deprecated: get_user_by_email está obsoleto desde a versão 3.3.0! Use get_user_by('email') em seu lugar. in /var/www/html/wp-includes/functions.php on line 5211
      Emiliano

      Você está sendo obrigado a pagar?


    • Deprecated: get_user_by_email está obsoleto desde a versão 3.3.0! Use get_user_by('email') em seu lugar. in /var/www/html/wp-includes/functions.php on line 5211
      Pete Baelish

      Gabriel, seu idiota. Essa “lei” só fará com que as mulheres paguem um preço maior para entrar nas mesmas festas, e com que os donos de “baladas” lucrem mais.

      Somente homens efeminados (como você), mulheres estúpidas e empresários espertos defendem uma merda dessa.

      No caso dos rodízios de massa e carne, por que diabos uma mulher – que come muito menos que um homem – deve pagar o mesmo preço que ele?!

      O governo JAMAIS deve intervir na economia/mercado.


    • Deprecated: get_user_by_email está obsoleto desde a versão 3.3.0! Use get_user_by('email') em seu lugar. in /var/www/html/wp-includes/functions.php on line 5211
      Wanderson Pereira

      Gabriel, planificação não é o mesmo que justiça. O dono do estabelecimento pode dar entrada gratuita para anões ou para pessoas com mais de 2 metros de altura, pode estabelecer qualquer critério, inclusive esse de preços uniformes para todos. Por isso, a justiça não está em impor uma das alternativas ao comerciante para obrigá-lo a segui-lá, mas em permitir que o dono do estabelecimento seja livre, qualquer hipótese que lhe tire a liberdade, é injusta. Não há injustiça alguma nos critérios estabelecidos por um comerciante, por mais esdrúxulos que sejam. Se o sujeito quiser vender seu papagaio para só para quem nasceu no Marrocos, é problema dele e impor qualquer outra coisa é INJUSTIÇA.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here