Bolsonaro se absteve de votar pró-terceirização com medo de ser “massacrado” pela esquerda

Em uma votação histórica, a Câmara dos Deputados aprovou essa semana o Projeto de Lei n° 4302/1998 que permite que as empresas terceirizem suas atividades livremente e contratem terceirizados temporários para substituir funcionários em greve.

A posição de um deputado federal na votação chamou a atenção: pouco depois de se declarar favorável a “diminuir o tamanho do estado” em entrevista a Danilo Gentili, Jair Bolsonaro se absteve de votar favoravelmente ao projeto que reduz a interferência do estado nas relações trabalhistas.

Painel da Câmara dos Deputados mostra voto de abstenção de Jair Bolsonaro

Em declaração feita à página “Bolsonaro Opressor 2.0” para justificar o voto, Jair Bolsonaro disse que se absteve de votar por medo de receber uma “enxurrada de críticas” se “tivesse votado não ou sim” no projeto, especialmente dos sindicatos e da esquerda em geral, que teria “massacrado” o deputado se ele fosse favorável ao projeto. Confira:

O projeto foi aprovado com o voto favorável de 231 deputados federais, incluindo o voto de Eduardo Bolsonaro, filho de Jair Bolsonaro, que não temeram a reação da esquerda ao projeto, ao contrário do deputado que se apresenta como principal nome anti-esquerda no parlamento. Nenhum dos deputados favoráveis ao projeto foi “massacrado” até o momento.

SHARE
Marcelo Faria
Presidente do ILISP e empreendedor.

16 COMMENTS

  1. Nenhum dos deputados favoráveis não foi massacrado porque não é o Bolsonaro e nem pré-candidato à presidência. Liberal é foda.

  2. Sete minutos pra explicar que ficou com medo de se posicionar. Um cara que se propõe a fazer oposição que tem medo de ser criticado. É coerência demais.

    • Esse vídeo aí ainda está curto, tem vários vídeos dele no youtube discutindo com crianças na rua e os vídeos passam de 20 minutos, eles batendo na mesma tecla o tempo todo e no final não se conclui nada.
      Não existe opção para as próximas eleições para presidente do brasil, nem bolsonaro nem ninguém, lula e companhia ficaram 12 ou 13 anos no poder e não resolveram a reforma agraria, nunca se importaram com reforma de previdência, leis trabalhistas, fizeram nada, só deram esmola para pobre, aí tem uma galera que acha que esse maluco bolsonaro vai resolver alguma coisa, vai nada. Qualquer que seja o rei que ocupe o trono a história se repete viva o novo dono.

  3. Deveria ter votado pela terceirização numa boa, e ainda continuaria tendo os nossos votos! Também deve votar para reduzir “ús direitú dús trabalhadô” porque brasileiro (que é uma sub-raça nojenta) odeia trabalho, é preguiçoso por origem, e só quer “ús direitú”.

  4. Bolsonaro NÃO É LIBERAL!

    E não vi, até agora, uma só ideia sobre solução de problemas nacionais.
    Não sei se ele tem um Programa Político, de Governo.
    Não vi um Fórum de Debates sobre as ideias dele.
    Está seguindo o script comunista.
    Falar qualquer coisa até às vésperas das eleições e então entregar uma série de promessas verssímeis, mas não, necessariamente, reais ou factíveis.
    Mas posso estar enganado.

  5. Nessa concordo plenamente, cagou e sentou em cima, deixar de votar essa matéria e se acovardar.

  6. – Não consegui localizar no site da Câmara a votação nominal do projeto de lei.

    – O ILISP poderia facilitar a vida da população e dos eleitores com uma planilha com o voto dos deputados divididos por estado e partido político. Fica a dica.

  7. No momento da votação o Deputado possuí 3 opções de Voto, SIM, NÃO e ABSTENÇÃO. Independente da escolha, ele seria massacrado por todos os lados. Da mesma maneira que nós, quando vamos votar, temos a opção de votar em BRANCO ou até mesmo ANULAR, também somos covardes? Ou se chama democracia?!

  8. Não acredito que foi medo, está com cara de estratégia. Não perdeu meu voto nem minha militância. Quem tem que perder votos hoje no BR são os corruptos e os donos da política brasileira a décadas que toda eleição para presidente tira um coelho da cartola para se perpetuar no poder (tipo o PSDB).

LEAVE A REPLY