Ditador socialista Nicolás Maduro prepara decreto para prender deputados de oposição

O ditador socialista da Venezuela, Nicolás Maduro, afirmou na última quinta-feira (01) que preparou um decreto para retirar a imunidade parlamentar dos deputados do país e permitir que o presidente da Assembléia Nacional, Henry Ramos Allup, e demais deputados de oposição possam ser presos.

De acordo com Maduro, a oposição teria preparado um “golpe” que aconteceria no último dia 1° de setembro, mas que teria sido descoberto e evitado pelo governo. Maduro declarou também que aproveitaria o decreto para ordenar a prisão de Allup e demais deputados da oposição por suas “expressões fascistas de ódio que promovem a violência” e que “está disposto a tudo para defender a pátria e sua soberania, bem como a paz do povo”. A oposição convocou uma marcha pacífica que levou 1 milhão de pessoas às ruas de Caracas no mesmo dia 1° de setembro.

A Venezuela está sob “estado de exceção” desde o começo deste ano, uma medida aprovada por Maduro sem o apoio do Congresso, mas referendada pelo Supremo Tribunal do país controlado por Maduro, que permite que o ditador legisle sem aprovação dos deputados eleitos em dezembro de 2015, quando a coalizão de oposição, a MUD, elegeu a ampla maioria dos deputados.

Vaquinha O ILISP comprou o domínio "aborto.com.br" e lançará uma campanha pró-vida, mas isso exige recursos. Os interessados em ajudar podem fazê-lo por meio do botão abaixo:

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here