Em nome da revolução, Coreia do Norte pede para o povo se preparar para a fome

O governo da COREIA do norte encoraja seus cidadãos a se prepararem para a fome e a grave situação econômica, escreve The Telegraph. Uma declaração semelhante apareceu em uma das últimas edições do jornal do partido da Coreia do Norte.

De acordo com o jornal, o país pode enfrentar a fome dos anos 90, que foi causado pela incompetência estatal para produzir alimentos durante a seca e custou cerca de três milhões de vidas de cidadãos da COREIA do norte. No entanto, o governo e a MÍDIA incentivam o seu povo a não se desesperar, pois “o caminho para a revolução é longo e difícil”.

Além disso, a publicação diz que a partir de agora, os moradores da capital da COREIA do norte de Pyongyang, serão obrigados a trazer a cada mês aos armazéns estatais cerca de dois quilos de arroz.

The Telegraph também informa que o governo da Coreia do Norte solicitou quase 500 milhões de toneladas de ajuda alimentar de outros países, porém, até o mês passado, chegou apenas 17600 toneladas.

Vaquinha O ILISP comprou o domínio "aborto.com.br" e lançará uma campanha pró-vida, mas isso exige recursos. Os interessados em ajudar podem fazê-lo por meio do botão abaixo:

1 COMENTÁRIO

  1. enquanto isso ele está bem alimentado e gordo com a desgraça do povo…. grande FDP…. esse é o resultado do comunismo. todos passam fome, menos quem está no poder!

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here