Líder do PR é contra o impeachment porque “já controla 250 milhões do fundo partidário”

Em mensagem enviada a uma ativista, o novo líder do PR na Câmara dos Deputados, Aelton Freitas (MG), explica porque será contra o impeachment de Dilma Rousseff. De acordo com a mensagem do próprio deputado, ele não está preocupado com seus eleitores porque se ele “não for eleito nunca mais”, ainda terá “cargos de maior relevância indicado pelo partido em qualquer governo e em qualquer situação”.

Ainda de acordo com o líder do PR, o partido “hoje recebe só de fundo partidário 250 milhões de reais” e para ele, como um dos “principais dirigentes desse partido e desse fundo na executiva nacional (…) deixar de ser candidato é melhor do que ser”, já que ele trabalharia “muito menos pra ganhar muito mais”. Logo, para manter a confiança do partido, o deputado prefere seguir as ordens dos caciques Valdemar Costa Neto e Alfredo Nascimento e ir contra a vontade do povo. Lembrando que o fundo partidário foi triplicado no ano passado após o STF impedir as doações privadas de campanha. Confira as mensagens abaixo:

Líder do PR confirma que irá votar contra o impeachment para ficar com o dinheiro roubado de você
Líder do PR confirma que irá votar contra o impeachment para ficar com o dinheiro roubado de você

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here