Livro infantil que sugere casamento entre pai e filha foi distribuído pelo MEC a todo o Brasil

O livro “Enquanto o Sono Não Vem”, que sugere o casamento entre pai e filha, foi aprovado e distribuído pelo Ministério da Educação (MEC) a escolas públicas de todo o Brasil para ser utilizado por alunos de primeiro ao terceiro ano do ensino fundamental (entre 6 e 8 anos de idade). A obra de José Mauro Brant, da Editora Rocco, está no Pacto Nacional pela Alfabetização na Idade Certa (PNAIC), e foi denunciada por profissionais de educação no Espírito Santo.

O livro inclui o conto “A Triste História de Eredegalda” que fala do pedido de casamento de um rei para uma das filhas. A proposta do pai é que a mãe da menina seja criada deles. Ao recusar o convite do pai, a menina é presa em uma torre, onde passa sede. Ao pedir à mãe e às duas irmãs para beber água, ela não recebe ajuda por ameaças de morte do pai. Ela acaba aceitando o convite do pai para se casar, mas acaba morrendo antes.

Foto do livro “Enquanto o Sono Não Vem”, distribuído pelo MEC a escolas infantis de todo o Brasil

O livro foi comprado pelo MEC em processo de seleção realizado em 2014, durante o governo de Dilma Rousseff (PT).

Vaquinha O ILISP comprou o domínio "aborto.com.br" e lançará uma campanha pró-vida, mas isso exige recursos. Os interessados em ajudar podem fazê-lo por meio do botão abaixo:

28 COMENTÁRIOS

  1. Como as pessoas falam bobagens e achismos sobre a Bíblia Sagrada! Não admira que nosso país seja um dos mais violentos do mundo, e que estejamos entre os piores nas avaliações de educação e de qualidade de vida. A primeira coisa que uma sociedade precisa é desenvolver sua ética religiosa coletiva (vide qualquer país desenvolvido).

  2. A Bíblia narra a história do ser humano. Mostra as coisas boas e coisas ruins que a humanidade é capaz de fazer. Para certas pessoas deve-se ressaltar certas passagens como fazemos ao conversar com amigos. Isto se chama bom senso. A criança não tem condições psíquicas de analisar e filtrar o que é conveniente para ela,conforme a sua idade. Os adultos devem fazê-lo até que ela tenha discernimento e saiba escolher sozinha entre o bem e o mal, coisa que a nossa legislação diz acontecer aos 18 anos.

  3. Quanto mal gosto. Tantos livros que edificam com história lindas, fascinantes e gostoso de se ler e esse povo escolhe tipo de história ridículo levando as crianças acharem que isso é correto.
    Só Deus pra ter misericórdia……

  4. Pelo que entendi, na estória do livro a menina morre no final, pelo que entendi as consequências da atitude do rei são horríveis e ele não é tido como um herói, ou um homem de deus que foi salvo da destruição de sodoma e gomorra como Ló, e nesse livro o resultado do incesto não é a multiplicação do ser humano como na estória de Adão e Eva onde deus cria apenas um homem e uma mulher e a forma de reproduzir a partir disso é de se imaginar. Não estou defendendo o livro, acho desnecessário apresentar para crianças esse tipo de coisa, mas acho quem lê a bíblia e ensina cristianismo, judaísmo ou islamismo para seus filhos está ensinando coisa muito pior , um deus assacino inseguro e vaidoso que fica exigindo adoração e ameaçando quem não cumpre sua vontade com o sofrimento eterno do inferno não serve de exemplo pra ninguém .

    • Eu nunca li tanta ignorância e blasfêmia em minha vida. Que Deus te perdoe, pois vc não sabe o que diz. A alienação e a falta de Deus, faz o ser humano ficar assim como vc. É muito triste, pois dá pra notar a infelicidade em sua vida. Que Deus tenha piedade da sua blasfêmia. Ainda há tempo de vc buscar a sua salvação. Nosso Senhor Jesus, nosso Deus, te ama e perdoa os seus pecados.

  5. Na bíblia também tem essas coisas ao menos em uma escola meus filhos não serão abusados pelos pastores e padres

    • Onde está escrito isso? Ou vc falou de boca pra fora? Se não souber responder e se calar, é pq não conhece a Bíblia. Deus tenha piedade de vc.

  6. O Demônio, que se serve da ideologia comunista, está a espera para devorar criancinhas!Neste mundo tudo se subverteu! E tem gente que cita a Bíblia. Meu caro, não é a Bíblia culpado de tudo não. É o homem que ouve a vós do Maligno. Incesto além de ser pecado, não é aceito pela sociedade, que vivemos. Ou você deseja comungar com o mal? Sua filha tem o direito de ser protegida. E seu filho também. Você é a pessoa diretamente responsável, por tudo que acontece com seu filho. Se você não o protege, não será os pedófilos e os incestuosos que irão defender. Realmente estamos nos Fim dos Tempos. Nossa Senhora e Santos e Anjos do Senhor, velai por todas as crianças do Brasil e de todo o mundo! Jesus já avisou, para que respeitem a inocência de cada criança e que nunca perdoará quem faz uma ato tão hediondo. O Inferno existe e te
    queimará eternamente. Não subverta as nossa crianças. Respeite-as.

    • Querida, a Bíblia aponta o bem e o mal, de uma maneira tão própria para a sua criança ir sedimentando os valores éticos e morais de convivência entre os seres humanos. Perde muito em não deixá-la conhecer os heróis da Bíblia como: Davi e Golias, Daniel na cova dos leões, Moisés defendendo o seu povo da escravidão egípcia, Jonas na barriga do grande Peixe, e Jesus, com a sua mensagem de amor ao homem perdido. Reconsidere essa sua posição.

    • Que Deus tenha piedade da sua blasfêmia! Ainda há tempo de vc buscar a sua salvação. Deus te ama e perdoa os seus pecados.

  7. Não li, mas me parece apenas uma forma de levantar tema sobre o abuso infantil intrafamiliar. Um alerta e não um incentivo. Abusadores geralmente fazem todo tipo de ameaça para submeter a criança. É preciso que elas aprendam a reagir e a denunciar.

  8. A velha luta revolucionária contra as “correntes opressoras” das religiões e sua moralidade. A “quebra dos tabus e mitos”. Homossexualismo, pedofilia, incesto, zoofilia, necrofilia, canibalismo. Isso tudo faz parte da agenda da “desconstrução” revolucionária.

  9. Puta k pariu essa Dilma é mesmo escrota e burra,nojo de pessoa,nem dapra chamar essa louca de ser humano.

  10. Ló e filhas (Gênesis 19) = Parece que era “coisa de família”, certo? Brincadeiras à parte, Ló era sobrinho de Abraão, filho de Harã (sim, aquele cuja esposa casou-se com seu irmão Naor) e irmão de Milca. Envolveu-se em mais um caso de incesto da família. Após a destruição de Sodoma e Gomorra, as filhas de Ló fizeram com que o pai ficasse embriagado e se relacionaram sexualmente com ele, engravidando ambas (que originarão Moabe e Bem-Ami).

    Engraçado que no livro em questão apenas se insinua, na Bíblia a relação incestuosa se consuma. Aliás, a Bíblia tem, pelo menos, 8 casos de incestos. Não deixemos que nossos filhos leia este livro chamado Bíblia.

    • Meu amigo, respeito seu comentário mas tenho que te contradizer. A Bíblia narra a história da criação da humanidade e a história da povo Hebreu em si, no antigo testamento. É uma história, verídica e não tem finalidade de esconder nada de ninguém, ela mostra o pecado que os homens praticaram, vide Noé, Davi, Salomão, entre tantos outros. É como se contasse a história da sua vida mostrando os erros que vc cometeu. Agora escrever um livro com uma estória ensinando algo sobre incesto pra que alunos leiam é totalmente diferente.

    • Você leu e não entendeu! E se entendeu não quis publicar no seu comentário as consequências dos erros que a bíblia relata. Aliás, a bíblia não esconde erros nem engana ninguém.

    • Em que momento a Bíblia “ensina” ou deixa de mostrar as cruéis consequências de atos errados dos homens que deveriam representar DEUS na terra? Deixe de ser idiotizado e mistificador da verdade. O comunismo é tão canalha que mistura a verdade com o erro para tentar justificar a idiotização coletiva… lamentável que já esteja contaminado por esta doença.

    • A Bíblia, quando adaptada para crianças não ressalta esses casos. A bíblia contem ensinamentos para todas as idades. No qual, esse tipo de leitura sobre acontecimentos históricos mais adultos não são recomendados para a leitura de crianças.
      Não se faça de bobo, por gentileza. Criança não deve ler esse tipo de coisa como o do post e ponto. Não existe meio termo, fera. Há braços!

    • A Bíblia não está direcionada à educação e alfabetização de crianças. E não é conteúdo obrigatório na grade curricular de ninguém. Assim como esse livro de “poesias” está à venda para quem quer adquirir e fornecer para seus filhos lerem em casa, a Bíblia também está. Então, se quer que Deus filhos o leiam, gaste seu dinheiro (não o do povo brasileiro) e compre o que achar melhor. Assim como qualquer um pode ou não fazer com a Bíblia. Mas institucionalizar o ensino do incesto é inaceitável!

    • A diferença é que a bíblia trata isso com repúdio e amaldiçoa todas as gerações de quem cometeu o ato. No livrinho é uma coisa legal.

    • Que Deus tenha piedade da sua blasfêmia. Ainda há tempo de vc buscar a salvação. Deus te ama e perdoa seus pecados.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here