“Me passa o dinheiro aí!” Impostos chegam a 76% sobre produtos de Carnaval

De acordo com levantamento realizado pelo Instituto Brasileiro de Planejamento e Tributação (IBPT), os impostos sobre produtos no Carnaval são um verdadeiro “me passa o dinheiro aí” estatal. Sobre o preço das bebidas, muito consumidas nesta época, os impostos chegam a 76,66% do preço da caipirinha tradicional (cachaça e limão), 62,2% do preço do chope, 55,6% do preço da lata ou garrafa de cerveja, 46% do preço da lata de refrigerante e 37% do preço da água mineral.

As fantasias de Carnaval também não escapam do assalto estatal. Uma fantasia de tecido, por exemplo, tem 36,4% do seu preço pago em impostos, enquanto uma máscara de plástico possui 44% de impostos em seu preço, um colar havaiano possui 46%, o spray de espuma possui 45,94% e o confete 43,83%.

Aqueles que aproveitam a data para viajar também não escapam do assalto estatal. O preço da passagem aérea possui 22,3% de impostos, enquanto 29% do preço da hospedagem é roubado pelo estado. E mesmo que você vá à praia, o estado estará com você: são 44% de impostos no preço do óculos de sol e 37% de impostos no preço do guarda-sol.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here