Militares tomam Forte, declaram oposição a Maduro e são assassinados

No começo deste domingo (06) viralizou nas redes sociais da Venezuela um vídeo com integrantes da 41a Brigada Militar que se declararam em rebeldia contra a ditadura socialista de Nicolás Maduro. O vídeo foi feito no Forte de Paramacay, na cidade de Valencia, onde os militares se encontravam.

De acordo com o capitão Juan Caguaripano, comandante da operação, os militares se declararam “em legítima rebeldia, unidos mais do que nunca com o povo da Venezuela para combater a tirania assassina de Nicolás Maduro”. A rebelião foi declarada “em favor da instalação imediata de um governo de transição e eleições gerais livres conduzidas por instituições públicas independentes”.

Em resposta à rebeldia dos militares do Forte, a Guarda Nacional Bolivariana (GNB) entrou no Forte e matou dois militares, prendendo outros dez. Civis que compareceram às imediaçõs do Forte para prestar apoio aos militares foram reprimidos com bombas e tiros.

3 COMENTÁRIOS

  1. Infelizmente o único jeito é jogar um míssil direto emcima dele quando estiver reunido com o exercito

  2. Tenho pena do povo venezuelano…Se os Estados Unidos não colocarem as suas FORÇAS ARMADAS bloqueando a Venezuela e derrubando esse Maduro(podre)esse povo vai sofrer muito com esse DITADOR COMUNISTA E CORRUPTO que está dominando com mão de ferro toda uma nação sul americana…Se o povo brasileiro não sair de sua zona de confôrto vai acontecer a mesmíssima coisa no Brasil….Só não vê quem não quer ou é muito burro…

  3. O comunismo se equipara a uma ceita de fanáticos onde os fieis são capazes de matar pais, irmãos, amigos e vizinhos para satisfazer o capricho de um líder lunático e picareta.
    Seguem dogmas que não podem ser contestados, sob pena de tortura e morte. Tudo em nome de um ideal inatingível, uma igualdade utópica que nunca se realiza, mas mantém a crença de uma parte do povo e perpetua o líder no poder. Em nada difere do que se fazia na idade média, onde um rei, se intitulava o representante de Deus na terra, outorgava a si mesmo um poder divino, de vida e morte sobre a população, e a escravizava. Por isto comunistas são fanáticos e incapazes de pensar com clareza: não usam a razão para decidir o que é melhor, alimentam a crença de que o impossível vá acontecer uma dia e que todos serão felizes e iguais e viverão o paraíso aqui na terra. E para que esta utopia aconteça: matam e escravizam seus próprios irmãos. Por esta razão, a família tradicional não serve ao comunismo. Eles precisam de outro modelo de família, onde um não se importe com o outro, mas que todos obedeçam ao Grande Pai, ao grande Líder.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here