Moro agora é presidente? Chauí ataca Moro e diz que ele quer privatizar o pré-sal

Em uma manifestação ontem, dia 29, dentro da USP, Marilena Cauí, a professora comunista que odeia a classe média e ganha R$ 23 mil por mês, resolveu atacar o movimento pró-impeachment e o juiz federal Sérgio Moro.

A filósofa disse que o juiz quer vender o pré-sal, o qual dá prejuízo para os brasileiros e nos obriga a pagar cada vez mais impostos para cobrir os investimentos da ineficiente Petrobras, para empresas norte-americanas (como se só existissem empresas americanas no setor de petróleo).

“Por que Moro tem tanto poder? Porque serve a dois objetivos: entregar o pré-sal para companhias norte-americanas de petróleo e enfraquecer o Mercosul”, discursou a filósofa Marilena Chauí no evento.

2 COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here