Principais jornais brasileiros perderam 173,8 mil assinantes em 2017

A decadência da “grande mídia” tradicional brasileira segue a passos largos. De acordo com levantamento do Poder 360, os 10 principais jornais brasileiros perderam 173,8 mil assinantes somente no ano de 2017. Mesmo o crescimento das assinaturas digitais – geralmente, mais baratas – não foi suficiente para compensar a perda de assinantes das versões impressas.

Principais jornais brasileiros perderam 173,8 mil assinantes somente em 2017. Fonte: Poder360

Nos últimos três anos, os principais jornais brasileiros perderam 488,2 mil assinantes: foram 519,9 mil assinantes a menos dos jornais impressos e somente 31,7 mil assinantes novos das versões digitais.

Principais jornais brasileiros perderam 488,2 mil assinantes entre 2015 e 2017. Fonte: Poder360

7 COMENTÁRIOS


  1. Deprecated: get_user_by_email está obsoleto desde a versão 3.3.0! Use get_user_by('email') em seu lugar. in /var/www/html/wp-includes/functions.php on line 5211
    Leandro Pedrosa

    O problema com notícias falsas, são nossas mentes alienadas durante décadas de mentiras. Porém, uma hora nós nos libertamos. Ainda tem jeito.


  2. Deprecated: get_user_by_email está obsoleto desde a versão 3.3.0! Use get_user_by('email') em seu lugar. in /var/www/html/wp-includes/functions.php on line 5211
    Severino da Rocha

    Eu mesmo deixei de assinar jornais por não suportar mais tantas mentiras,tantos ESQUERDISMOS,tantos mimimis,e principalmente jornalistas mentirosos,venais e vendidos a esquerda! Ler um jornal no Brasil é ficar DESINFORMADO E ACREDITANDO em tudo o que é mentira.Prefiro me informar por aqui mesmo.O nosso ILISP é um grande meio de informação e verdade.Estou com vocês sempre!


  3. Deprecated: get_user_by_email está obsoleto desde a versão 3.3.0! Use get_user_by('email') em seu lugar. in /var/www/html/wp-includes/functions.php on line 5211
    Felipe

    Certa vez ao ler um grande absurdo publicado na folha de sp sobre um assunto que eu entendo comecei a pensar: Se sobre o pouco que eu sei eles só escreveram imbecilidades típicas de um ignorante quem garante que não é a mesma coisa com os outros assuntos que desconheço? Parei de assinar na hora.


  4. Deprecated: get_user_by_email está obsoleto desde a versão 3.3.0! Use get_user_by('email') em seu lugar. in /var/www/html/wp-includes/functions.php on line 5211
    Violeta

    Muito lindo, mas e aí, quem decide o que é verdade ou mentira?

    A grande mídia? O Estado?

    Ah tá, já entendi tudo sobre essa discussão de “fake news”.


  5. Deprecated: get_user_by_email está obsoleto desde a versão 3.3.0! Use get_user_by('email') em seu lugar. in /var/www/html/wp-includes/functions.php on line 5211
    Renne Bueno

    É a queda da “Manipulation News”! “Fake News” são facilmente verificadas como falsas. O problema maior está relacionado às “Manipulation News” (Na Wikipedia em português consta como “Manipulação da Mídia”). É muito difícil se proteger quando veículos de comunicação se prestam a manipular a mente das pessoas com relação a determinados assuntos. A mentira repetida diversas vezes por esses meios, acaba tornando-se verdade.


    • Deprecated: get_user_by_email está obsoleto desde a versão 3.3.0! Use get_user_by('email') em seu lugar. in /var/www/html/wp-includes/functions.php on line 5211
      Roberto Silva Pinheiro

      Discordo totalmente. Fake news não são “facilmente” verificadas como falsas, milhões de pessoas acreditam nelas e continuam acreditando mesmo quando confrontados com a realidade dos fatos. A verdade é que as pessoas optam por acreditar naquilo que lhes satisfaz ideológicamente, e não há verdade que lhes tire a cabeça do buraco. A mídia tradicional não é santa, e as fake news não são infantis a ponto de serem facilmente reconhecidas.


      • Deprecated: get_user_by_email está obsoleto desde a versão 3.3.0! Use get_user_by('email') em seu lugar. in /var/www/html/wp-includes/functions.php on line 5211
        Rennê

        Discordo da tua discordância. A chave é desconfiar de tudo e sempre buscar outras fontes.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here