Revisão exibe 45 mil falsos pescadores beneficiados e 10 mil fantasmas no Bolsa Família

Pressionado para diminuir os gastos públicos, o governo Temer resolve passar um pente-fino para combater fraudes e pagamentos indevidos de benefícios. Na primeira revisão dos programas sociais já foi possível identificar 10 mil fantasmas recebendo o Bolsa Família, segundo o ministro Osmar Terra. Há outros fatos estranhos. Para ajudar no controle, os cadastros e bancos de dados estão sendo unificados.

Os números do seguro-defeso chamam a atenção. O benefício é concedido a pescadores que param as suas atividades na época da desova dos peixes. O levantamento identificou que em Brasília há 45 mil pescadores recebendo o seguro. É um número exorbitante para o distrito, que tem apenas o lago Paranoá e alguns rios.

Outro dado que esquisito é que há 1 milhão de pessoas recebendo auxílio-doença há mais de dois anos. O benefício é temporário e precisa ser sempre renovado em algumas semanas. Entre as medidas administrativas que estão sendo preparadas, o governo vai propor que os beneficiados sejam reavaliados pela perícia.

Para ajudar a identificar e corrigir os vários tipos de ralos, o governo também está unificando cadastros e banco de dados.

Vaquinha O ILISP comprou o domínio "aborto.com.br" e lançará uma campanha pró-vida, mas isso exige recursos. Os interessados em ajudar podem fazê-lo por meio do botão abaixo:

5 COMENTÁRIOS

  1. Se esse fosse um país de pessoas honestas, seria feito uma limpeza nesse bando de parasitas, e deveria fazer devolver esse dinheiro aos cofres públicos e ainda mais, passar umas férias na cadeia! Mas nessa pocilga todo mal caráter é perdoado! Agora vai você que trabalha direito, paga seus impostos , fica devendo pro governo pra ver se não perde sua casa suas terras e tudo mais!

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here