Sem dinheiro, ditadura socialista cubana propõe pagar dívida com garrafas de rum

A ditadura socialista cubana propôs quitar uma dívida da época da Guerra Fria com a República Tcheca com pagamento em rum. Michal Zurovic, porta-voz do Ministério das Finanças do país do Leste europeu, afirmou que autoridades cubanas ofereceram pagar US$ 276 milhões em bebida por um débito gerado na época em que os países eram parte do bloco comunista.

Caso a oferta seja aceita, o país europeu teria um estoque de rum que duraria por mais de um século. Os tchecos importaram mais de US$ 2 milhões de rum de Cuba no ano passado, segundo dados do Escritório Tcheco de Estatísticas.

Cuba alega ter pouco dinheiro, mas rum de sobra – por isso a proposta peculiar.

Enquanto Praga se mostrou aberta à negociação, Zurovic afirmou que ainda é preferível que a dívida seja pelo menos parcialmente quitada em dinheiro.

Cuba tem discutido o pagamento de sua dívida externa com diferentes países, entre eles Rússia e México. Em alguns casos, o pagamento está suspenso desde os anos 1980.

Vaquinha O ILISP comprou o domínio "aborto.com.br" e lançará uma campanha pró-vida, mas isso exige recursos. Os interessados em ajudar podem fazê-lo por meio do botão abaixo:

2 COMENTÁRIOS

  1. Vão pagar o porto de Mariel em Rum também? Haja cuba libre. Aliás, o único lugar onde Cuba é livre é no drink.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here