Senadora petista Gleise Hoffmann culpa o setor privado pela crise financeira

 

Segundo a senadora petista  Gleise Hoffman, a crise de 2008 foi provocada pelo setor privado e foi internalizada pelo Estado. “O aumento da taxa de juros brasileira está intimamente ligado a isso. Internalizamos uma crise do setor privado, do setor financeiro. E aí vira discurso que temos que fazer austeridade fiscal, tirar de políticas públicas para dar dinheiro ao setor privado e pagar serviço da dívida”, criticou Gleisi, que em seguida deixou a mesa para participar da Comissão Especial do Impeachment.

A senadora só não soube explicar como o setor privado se beneficiaria de juros altos, visto que para conseguir créditos para realizar investimentos seria melhor com juros mais baixos, ou seja, o setor privado é o principal prejudicado com essa política de juros. Não é à toa que grandes empresas fazem lobby para conseguir empréstimos com juros subsidiados pelo BNDES.

Vale lembrar que os juros sobem principalmente devido ao excesso de gastos públicos, que obriga o governo a pegar dinheiro emprestado dos bancos e cria escassez de crédito. Essa escassez faz o banco central  subir a taxa de juros para aumentar a poupança e trazer liquidez nos bancos. Muitos esquerdistas como Gleise Hoofman acredita que ao invés de cortar os gastos públicos, o governo deve usar o Banco Central para imprimir dinheiro e injetar crédito no mercado. No entanto, esse tipo de política afeta principalmente os mais pobres que pagam a conta do governo com inflação.

 

Vaquinha O ILISP comprou o domínio "aborto.com.br" e lançará uma campanha pró-vida, mas isso exige recursos. Os interessados em ajudar podem fazê-lo por meio do botão abaixo:

2 COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here