Transexual espancada por um grupo de homossexuais é salva por um homem desconhecido na Rua Augusta

Na Rua Augusta, no último domingo, uma transexual de 22 anos foi espancada por 20 pessoas, que, segundo a própria vítima, eram homossexuais. A maquiadora Melissa Hudson estava com umas amigas quando foi atingida por uma garrafa na nuca. Ela foi a única que não conseguiu escapar dos agressores, foi derrubada no chão, levou chutes e socos, e teve seu celular e documentos roubados.

Logo após o acontecimento, Melissa foi até um carro da Polícia Militar e foi levada até um Pronto-Socorro. Em seu rosto foram rompidos os pontos de uma cirurgia de feminização facial que havia feito em dezembro.

“Eram 4h30 quando recebi uma garrafada do nada. Lembro de ter caído no chão e ter ouvido xingamentos, como “traveco nojento”. Fui salva por um homem desconhecido, que ajudou a afastar as pessoas de mim. E, apesar de não conhecer quem me agrediu, sei que eram homossexuais”, informou Melissa ao Extra.

Obs: Segundo a Revista Fórum, portal de notícias com foco em assuntos progressistas, o acontecimento teria indícios de transfobia. No entanto, cortaram uma parte do depoimento da vítima, justamente aquela que dizia que os agressores eram homossexuais. O  portal  diz lutar contra a homofobia, e, ao mesmo tempo,  é contra o armamento. Se a vítima estivesse armada poderia ter se defendido dos 20 homossexuais agressores, sem precisar da ajuda de um homem desconhecido ( já pensou se não tivesse ninguém por perto? ).

Com informações do Portal Extra

22 COMENTÁRIOS

  1. É que vocês não entendem…os gays estão pouco se fodendo pra movimento LGBT ou homofobia…só no mundinho ilusório e mela cueca de vocês que isso existe…passem algumas noites onde eu moro e sentirão como que a banda dos gays tocam por aqui….

  2. Parece a cena da novela que foi ao ar na sexta… Mas só não entendi uma coisa, se a pessoa não consegue identificar ninguém como pode saber que todos os 20 eram gays?!?

    • Muito simples, um hétero de verdade jamais deixaria maçar-se por causa da orientação sexual de alguém, porque tem firmeza de sua própria atração, não procuraria um gay nem mesmo para agredir. Quem agride tem medo de si mesmo, receio, ou até mesmo inveja, a violência parte de um sentimento que doe no coração ocasionado por alguma coisa, no entanto eu suspeito muito de homofóbicos. Claro que o comentário do trans foi subjetivos, mas, enfim, meu tópico.

  3. Muitos sites estão tratando esse caso como homofobia.
    O G1 por exemplo,ignorou o que a transexual falou.Quando citei nos comentários fui censurado.

  4. Kkkkkkkkk, quem escreveu essa notícia provavelmente é retardado. 20 pessoas agredindo o cara e o escritor afirma que se ele tivesse uma arma poderia ter se defendido… E os 20 não teriam armas também? Poderia rolar troca de tiros e uma bala perdida poderia ter matado alguém que não tinha nada a ver com a paçoca… É pra acabar com o piqui de Goiás mesmo….

    • O doidão… quem disse que todos os 20 teriam armas? para que serve o teste psicológico então? eles não teriam armas, porque se fosse feito adequadamente, todos os 20 teriam reprovado no teste de Porte de Arma… o comportamento deles já revela uma falha de caráter que em um teste psicologico bem conduzido, apareceria…. mas o esquerdinha parece ignorar isso né?.

      SOBRE OS ESQUERDOPATAS:
      esses esquerdopatas acham que liberar armas é simplesmente sair entregando arma na mão de qualquer um… a questão central aqui, é, NÃO PROIBIR quem tem condições de ter arma (condições psicologicas)….\

      • Guto ,são burro pra crl,não é só os esquerdopatas não,já vi “direitista” falando a mesma merda!
        Acham que vão comprar armas na padaria.

    • Renan, nao adianta. Os milicianos acham que todo mundo q eh contra uma populacao armada eh necessariamente comunista, esquerdista, retardado etc, mas infelizmente eles nao sao capazes de ver o outro lado: um tiroteio com vitimas aleatorias, ou ele levando a surra de qq forma e ainda perdendo a arma que vai entrar pro mercado negro, ou pior, ser morto pela propria arma. Eles falam como se fosse facil determinar um perfil psicologico. Tudo que precisou ontem nos EUA, foi uma arma legalizada e um sujeito perdendo o parafuso e 6 pessoas foram assassinadas. Mas nao adianta falar nada, pq a ignorancia supera a inteligencia. Como disse o Joao Gilberto: Eles sao muitos

      • Claudemiro, segundo o FBI, mais de 200 mil pessoas usam armas para se defender contra assaltantes e assassinos por ano nos EUA. Ao mesmo tempo, segundo o FBI novamente, ocorrem 8 mil homicídios por ano nos EUA (e mais ou menos 20% dessas mortes não são por armas de fogo) contra os 70 mil homicídios por ano no Brasil.
        Ou seja, você quer desarmar a população para evitar 6 mortes, mas como consequência irá fazer com que 200 mil pessoas não se defendam e não salvem suas vidas, suas propriedades e suas famílias. Vocês desarmamentistas são completos retardados totalitários.
        Que tal vocês desarmamentistas começarem a pensar um pouquinho e analisar os dados profundamente antes de seguirem o puro impulso emotivo e repetirem as mesmas mentiras do establishment midiático?

  5. A vá se ferrar todo mundo com estes termos,violência gratuita é crime contra qualquer ser vivo,se vc dorme com um poste na bunda ou não,não é problema de ninguém desde que seja em lugares próprios pra isto,e violência é violência e já esta na constituição desde a sua elaboração

  6. No seu texto, fica o indicio de que homossexual não pode ser transfóbico. Isso não faz sentido, pois isso é possível e não quer dizer que seja hipocrisia. Entenda o que são as coisas antes de insinuar outras.

  7. Se por um acaso ela viesse a óbito, tenho certeza que iriam falar que era foi agredida por um grupo de homofóbicos, independente de apurações de fatos.
    Mas como ela sobreviveu e conseguiu relatar os verdadeiros autores então não são “pessoas intolerantes”.

      • Sabe talvez você não compreendeu a ironia do camarada. E eu também compreendo seu ponto, é claro que ser o que quer que for nos dias de hoje não impede a pessoa de fazer quaisquer atos de violência, pois parece-me que caráter e vergonha na cara ninguém tem mais. O problema é que esse tipo de noticia muito provavelmente iria virar sensacionalismo e munição pra quem gosta de atirar mais lenha na fogueira da já defasada luta de classes que virou agora luta de posição politica/orientação/cor/cerveja/marcadecamisa o que quer que seja e isso no meu ponto de vista é bem contraditório pois, tudo agora é questão politica e isso aí não seria diferente ia virar mais um cartaz de problema que a população LGBT enfrenta e etc…

      • AHEUHAUEHAUEH Os caras insinuando que foi crime de ódio pelos transsexuais. Não é mais facil o motivo ser outro não? Ou você são muito retardados preconceituosos para não conseguir pensar em qualquer outro fator que teria motivado o crime?

        • Exatamente Wellington.

          Eu conheço “ela” desde a época da escola e sei muito bem porque ela foi agredida porque ela mesma me contou. Não possui absolutamente nada a ver com homofobia ou transfobia.

          Homossexuais e transexuais possuem seus “grupinhos” como qualquer outro grupo da sociedade, brigarem entre si é mais normal do que a maioria das pessoas pensam.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here