Vice-presidente da Argentina, Gabriela Michetti, demite 300 funcionários do Senado

A vice-presidente da Argentina, Gabriela Michetti, demitiu esta semana 300 funcionários do Senado que “não atendiam a uma necessidade de funcionamento do órgão.” De acordo com o decreto que detalha a demissão, Gabriela informa que “durante os últimos anos foram criados diversos atos administrativos para nomear pessoas, o que levou a um aumento desmedido e injustificado na quantidade de funcionários públicos.”

Fontes da vice-presidência informaram que os contratos cancelados correspondem a nomeações políticas feitas pelo governo de esquerda de Cristina Kirchner.

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here