DOE

“Movimento Negro” repudia Polícia Federal por ter chamado operação de “acarajé”

O “Coletivo das Entidades Negras” fez hoje uma nota de repúdio à utilização do nome “acarajé” pela Polícia Federal para batizar a 23a fase da Operação Lava Jato.

De acordo com a nota, “nosso repúdio vem no sentido do total desrespeito religioso a um elemento sagrado do candomblé, desrespeitando assim, de forma acintosa, toda a tradição e história dessa religião no Brasil. O que repudiamos é ver nossa religiosidade vinculada a uma operação para prender bandidos. Isso, para nós e toda nossa comunidade religiosa, é inaceitável”. Na nota, o “Coletivo” também exige a alteração imediata do nome da operação.

Com informações da Folha

Está gostando do conteúdo? COMPARTILHE!

Mais Recentes

Ranking mundial da Forbes reconhece o ILISP como um dos think tanks com maior alcance nas redes sociais
Dois artigos publicados na Revista Forbes...
Liberdade para Trabalhar avança em Nova Friburgo-RJ com 289 atividades liberadas de alvará
Lançado no dia 29 de junho...
Projeto Liberdade para Trabalhar é lançado em Sergipe
Lançado nacionalmente no dia 29 de...
Liberdade para Trabalhar: Boa Vista-RR dispensa 297 atividades da necessidade de alvará
Lançado no dia 29 de junho,...
Em evento no Senado, ILISP lança o Mapa da Liberdade para Trabalhar
Um pequeno empreendedor que tirou a...
ILISP processa governo federal contra plano de R$ 250 milhões para distribuir cloroquina
O Instituto Liberal de São Paulo...

Leia Sempre Primeiro

Cadastre-se na nossa Newsletter e receba sempre em Primeira Mão!