Aliado de Russomanno obtém decisão judicial para limitar Uber em São Paulo

A cinco dias das eleições municipais, o aliado de Celso Russomanno e defensor do cartel de táxis, vereador Adilson Amadeu, obteve na justiça uma limitar que pode fazer a prefeitura voltar a perseguir os motoristas do Uber na cidade de São Paulo.

De acordo com o escritório de advocacia que representa Amadeu e outros taxistas na ação, o Gislaine Nunes e Advogados, o Juiz Valentino Aparecido de Andrade, da 10ª Vara da Fazenda Pública de São Paulo, definiu em decisão limitar que o Decreto 56.981/2016, criado pelo prefeito Fernando Haddad para regularizar o Uber, “criou e incentivou um regime injusto de desigualdade de condições, ao não impor qualquer limite de veículos a serem utilizados no serviço de transporte individual de passageiros por plataforma tecnológica mantido e gerido pela ré, Uber”. A íntegra da decisão está disponível no site do Tribunal de Justiça de São Paulo.

De acordo com a divulgação da decisão, a prefeitura tem 30 dias para limitar o número de carros do Uber na cidade e submeter seus motoristas às mesmas burocracias dos táxis (placa vermelha, Condutaxi, etc.), sob pena de multa de 500 mil reais por dia, o que pode levar a prefeitura a perseguir novamente os motoristas do Uber e voltar a favorecer o cartel de táxis. A decisão judicial foi comemorada em vídeo por Adilson Amadeu, o qual aproveitou para pedir votos para si mesmo e seu aliado na disputa pela prefeitura de São Paulo, Celso Russomanno:

O escritório Gislaine Nunes e Advogados se apresenta como “famoso por defender causas de grande repercussão no futebol, defendo atletas de renome (Ronaldinho Gaúcho, Rogério Ceni e Deivid Souza). O vereador Adilson Amadeu é conhecido por agir de forma agressiva contra todos aqueles que fossem contra o cartel de táxis e a favor do Uber e demais aplicativos.

Cabe lembrar que o próprio candidato a prefeito pelo PRB, Celso Russomanno, esteve em um vídeo ao lado de Adilson Amadeu para defender o cartel de táxis e lutar contra a liberdade nos transportes representada pelo Uber e demais aplicativos.

Vaquinha O ILISP comprou o domínio "aborto.com.br" e lançará uma campanha pró-vida, mas isso exige recursos. Os interessados em ajudar podem fazê-lo por meio do botão abaixo:

19 COMENTÁRIOS

  1. O Uber paga mal e explora os motoristas? Logo surgirá uma empresa concorrente que pagará melhor, os motoristas sairão do Uber, obrigando o Uber a melhorar sua relação com os parceiros. Os taxistas sentem-se prejudicados? Podem virar Uber ou trabalhar para concorrentes do Uber. Ou podem até mesmo criar uma nova empresa, usando a força que têm como classe corporativa organizada. Se ambas as profissões ficarem tão ruins a ponto de ninguém mais querer, os salários subirão de volta. Quanto mais opções, melhor pros passageiros. Mas nada disso acontecerá se toda vez que alguém espirrar um bando de idiotas achar que o Estado precisa dizer “saúde”. Se regulação fosse boa, Coreia do Norte seria Suíça. Sem interferência, sem decreto de regulação, nada disso: por que há tantas opções de pizzas baratas para todos os gostos e faixas de preço? Porque não há regulação das pizzas, qualquer um faz, qualquer um vende, sem preço mínimo nem máximo definido por canetada. Regulem o mercado das pizzas e em seis meses vai faltar muçarela no mercado.

  2. Alegando romper o monopólio ou a máfia do transporte público a uber quer criar seu próprio monopólio as custas de motoristas e donos de carros, ilude os pobres motoristas prometendo ganhos que eles jamais terão!!!
    A uber é a empresa mais disruptiva da história, destrói tudo põe onde passa e estabelece seu monopólio.
    A uber já está opera do com carros autônomos e seu presidente, Travis Kalanick, declarou que a uber só será rentável quando eliminar os motoristas de uma vez por todas, portanto a uber não quer só destruir os taxistas e ônibus nas destruir os motoristas explorados por ela tbm. A fórmula é simples : oferecer serviço barato, quase de graça com o carro de terceiros!!!

    • Ninguém obriga as pessoas a usarem ou dirigirem para a Uber. Ao contrário do cartel de táxis que é imposto a milhões de pessoas.

  3. Cartel? Então quer dizer que um serviço público, com tarifa regulamentada pelo poder público é cartel no seu ignorante entendimento? Partindo dessa primícia, poderemos chamar o metrô, empresa de ônibus, as companhias telefônicas e demais empresas que tem preços regulamentados de cartel? Muita falta de conhecimento…. aliás, falta conhecimento até de português para quem escreveu esse artigo, pois o juiz expediu uma liminar, e não uma “limitar”. Antes de expor sua opinião tendenciosa, vá estudar e se informar um pouco, aliás, só um pouco não.. muito mais..

  4. Bom dia, sou taxista a 22 anos, tenho alvará e condutaxi que é imposta pela prefeitura e tenho que seguir todas exigências por ela. Gostaria de saber qual cartel que participo? Cartel e máfia, não segue leis e não pagão compostos, se o senhor tem provas peço que mova uma ação criminal, pois também sou contra máfia e cartel. Peço que os Senhores respeitem meu trabalho, Obrigado.

    • Você participa do cartel que limita a quantidade de táxis na cidade e regula como eles devem funcionar. Lute por mais liberdade e menos regulações para os táxis, não contra a liberdade de milhões de pessoas se locomoverem como quiserem. Abraço.

  5. Isso sim é um CARTEL, ninguém usa a UBER porque é obrigado, mas sim por ser muito mais em conta. O fato é que os donos dessas frotas que cobram exorbitantes valores para aqueles que não podem adquirir uma LICANÇA DE TAXA tradicional na prefeitura, que coincidentemente sempre libera para esses Carteis, cada vez mais fazem com que os seus motoristas trabalhem 18 a 19 horas por dia, isso para poder pagar pelo aluguel do veiculo. Essa decisão judicial sim é injusta pois tira daquele que esta desempregado, pai de família e mantenedor do lar, a possibilidade de recomeçar sua vida de forma honesta. Não sou UBER mais minha campanha agora será contra esse individuo e contra aquele que é seu candidato a prefeito Celso Russomano.

    • “Cartel é um acordo explícito ou implícito entre concorrentes para, principalmente, fixação de preços ou cotas de produção, divisão de clientes e de mercados de atuação[1] ou, por meio da ação coordenada entre os participantes, eliminar a concorrência e aumentar os preços dos produtos, obtendo maiores lucros, em prejuízo do bem-estar do consumidor.”
      Exatamente com o cartel de táxis.

  6. A reportagem fala por si. Cita cartel é é isso que é.
    Tenta-se manutenção do monopólio de uma instituição mafiosa. Esse senhor tem escritórios de despachos na mesma região que um outro senhor chamado armando promove a compra e venda de alvarás quando todos sabem que é uma prática ilegal. Será que um vereador que devia proteger a população e não um CARTEL MAFIOSO tem alguma vantagem nisso?
    Acho que todos sabem a resposta.

  7. Lei da Oferta e Procura. Não pode haver mais Motoristas que Passageiros.

    Limites para que não quebrem todos.

    O Povinho quer usar Transporte baratinho e finge que não sabe que o motorista quebra.

    • Quem tem que definir a quantidade de motoristas é a demanda, não um punhado de burocratas apoiados por um cartel de táxis.

  8. Táxis são coisa do passado, um sistema tipo cartório que garante privilégios para alguns em prejuízo de toda a população toda. Não sei se os vereadores que perseguem o Uber vão se reeleger (não deveriam), mas o Russomano com certeza deve boa parte de sua queda a ter ficado do lado deles (esse cara não aprende mesmo!)

  9. sua ignorância ou desonestidade me assusta! Você quer substituir um suposto cartel de trinta mil táxis individuais, com tarifa estabelecida pela prefeitura pelo monopólio de uma empresa multinacional que estabelece a tarifa que quiser ao seu bel prazer, onde não há qualquer controle sobre os motoristas. Não tem jeito o pior do Brasil é o brasileiro, povo para ter atração pela ilegalidade como esse não existe

    • Ninguém falou em monopólio. O Uber deve ser livre junto com a 99, Easy, Lyft, Cabify e quem mais quiser atuar no mercado.

  10. Não tem jeito: a máfia do táxi é um grupo de pressão forte demais. Complicado. Escrevi a esse respeito um dia desses.

    https://bordinburke.wordpress.com/2016/09/26/motoristas-do-uber-cuidado-com-seus-desejos/

    E os americanos, em vez de manterem distância desta mentalidade intervencionista que tanto nos atrasa, querem brincar de América Latina, pelo jeito.

    https://bordinburke.wordpress.com/2016/09/27/hillary-o-pacote-completo-da-ideologia-de-esquerda/

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here