Cabo Verde, na África, confirma 7164 casos de zika e nenhum caso de microcefalia

Após os governos dos latino-americanos Colômbia e El Salvador terem confirmado a ausência de casos de microcefalia nos fetos de grávidas contaminadas com o zika vírus, o Ministério da Saúde de Cabo Verde, na África, confirmou que o país registrou 7164 casos de zika vírus entre outubro e janeiro, sendo 130 grávidas, sem que tenha havido qualquer registro de casos de microcefalia.

A capital do país, Praia, registra o maior número dos casos (4837). O número de casos de zika vírus no país, que chegaram a atingir 500 por semana, caíram para 65 por semana após campanhas de conscientização sobre o mosquito.

Com informações do Voz da América

Vaquinha O ILISP tem atuado contra a legalização do aborto e em defesa do direito à vida no STF. Para custear a causa, lançamos uma vaquinha. Os interessados em nos ajudar podem fazê-lo por meio do botão abaixo:

45 COMENTÁRIOS

  1. Eu não entendo nada de infectologia. Só entendo que lavando as mãos evita muitas contaminações no nosso organismo. Mais acho que isso foram lotes de vacinas , usado no pré Natal das grávidas. Onde essas vacinas vieram com problemas em algumas vacinas , não em todas. Ver os responsáveis que trabalharam nas vacinas desse período e lotes de vacinas. Pq a zika daqui não pode ser diferente da zica de outros países. Então nosso mosquito zika está modificado. O oranismo humano que não pode está modificado.

  2. Ouvi dizer que as vacinas aplicadas nas grávidas estavam vencidas. Por isso que os bebes nasceram com microencefalia.

  3. Bom eu também achei estranho porque nós outros países tem essa Zilá e não teve esse surto de microcefalia. Se os governos sabe da verdade e lógico que vão inventar algo se não vão ter que indenizar mais de 4 000 família.

  4. Não se vacina grávida contra rubéola, porém, conforme um estudo de um cientista, foi realizada uma campanha de vacinação contra rubéola, incluindo mulheres não grávidas, e após isso elas engravidaram. Conforme esse cientista, as vacinas problemáticas podem ter provocado a microcefalia em bebês de mães que engravidaram após serem vacinadas. Pesquisem no Google.

  5. Evitar as picadas: 40 gotas de própolis verde sem álcool duas vezes ao dia. Quanto aos quintais que a Rose comentou: são pequenos perto das cidades imundas. O autódromo de Brasília, não sei se removeram depois da denúncia, tinha milhares de pneus largados. Foi só um exemplo.

  6. Eu teria muita cautela em dizer isso ou aqui lo, melhor prevenir,limpar a imundice dos quintais,se protégér das picadas e ficar atento a tudo….o mundo todo esta engajado nesta historia a vdd aparecera.

  7. O Governo Federal disponibiliza um benefícios as mães que tiveram seus filhos com Microcefalia. Isso é um Calaboca para não assumir seus erros???

  8. A campanha de vacinação maciça em gestantes do NE, PE em particular, em 2014, foi com a Tríplice – Coqueluche/Difteria/Tétano . Nada de Rubéola. Mas o surto de microcefalia em 2015, no NE, PE em particular é só uma grande coincidência? Enorme assim?

    Mais improvável que ganhar sozinho na Loteria dos USA que deu mais de 800 milhões de doláres de prêmio? (que teve 4 acertadores no fim) Tem coisa nessa estória e não vão admitir. @WHO diz que levará 6 meses para provar sem deixar dúvidas que Zika causa Microcefalia. AINDA NÃO EXISTE PROVA CONCRETA!

    O vírus no Cérebro só indica que a mãe tinha Zika e o desgraçado é atraído por tecidos nervosos. E não consegue sair pcausa do BBB, Brain Blood Barrier. Também pensei no big brother a 1a. vez que me explicaram e li fora da order os tweets! =)

  9. Foi realizado o genoma do vírus.. O zika do Brasil é o mesmo do zika da Polinesia q provocou microcefalia por lá. É parente da Encefalite japonesa, que causa microcefalia.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here