“Catraca Livre” recebeu 1,1 milhão de reais via lei Rouanet e pode receber mais 2,2 milhões

O “Catraca Livre”, portal de esquerda criado por Gilberto Dimenstein e que tem como lemas “comunicar para empoderar” e “conviva melhor com menos dinheiro”, recebeu R$ 1,1 milhão dos pagadores de impostos brasileiros por meio da Lei Rouanet durante o governo Dilma Rousseff e pode receber mais R$ 2,2 milhões por meio da lei em 2017.

De acordo com o Salic.net, portal de informações do Ministério da Cultura sobre os projetos financiados pela Lei Rouanet, a empresa “Catraca Livre Portal e Comunicação Ltda” teve R$ 4.253.148,16 aprovados para captação por meio da lei, em três projetos, todos durante o governo Dilma Rousseff: “Projeto Catraca Livre”, “Catraca Livre 2015” e “Estação Catraca Livre”. O site esquerdista, entretanto, captou efetivamente R$ 1.100.000,00 do dinheiro dos pagadores de impostos até o momento.

O primeiro projeto, “Projeto Catraca Livre”, foi criado única e exclusivamente para financiar o site em 2014, tendo R$ 736.560,00 aprovados para captação pelo governo Dilma e R$ 700.000,00 efetivamente captados. Os principais destinadores do dinheiro tomado dos pagadores de impostos foram o Banco Itaucard (R$ 400.000,00) e duas concessionárias de rodovias paulistas: a Viaoeste S.A. e a Bandeirantes S/A (R$ 150.000,00 cada).

“Projeto Catraca Livre”, 2014: foram R$ 700 mil dos pagadores de impostos destinados ao site. Fonte: Salic.Net

O segundo projeto, “Catraca Livre 2015”, também foi criado única e exclusivamente para financiar o site em 2015 e 2016, tendo R$ 1.286.228,16 aprovados para captação pelo governo Dilma e R$ 400.000,00 efetivamente captados. Novamente, o Banco Itaucard destinou R$ 400.000,00 do dinheiro dos pagadores de impostos para o site, sendo dessa vez o único apoiador.

“Catraca Livre 2015”: mais R$ 400 mil dos pagadores de impostos destinados ao site. Fonte: Salic.Net

Por fim, o site aprovou um terceiro projeto, o “Estação Catraca Livre”, que “tem o objetivo de apresentar ao grande público bandas e artistas do circuito instrumental independente nas cidades de São Paulo, Rio de Janeiro e Belo Horizonte”. O projeto teve R$ 2.230.360,00 aprovados para captação em 2016, entretanto, nenhum valor foi efetivamente captado até o final do ano passado. O governo Temer, entretanto, prorrogou o prazo de captação esse ano.

“Estação Catraca Livre”: site quer fazer projeto cultural para captar mais R$ 2,2 milhões dos pagadores de impostos. Fonte: Salic.Net

De acordo com os dados disponíveis no site da Receita Federal, a “Catraca Livre Portal e Comunicação Ltda.” possui um capital social de R$ 597.250,00 e tem como sócios-administradores Marcos Dimenstein, filho de Gilberto Dimenstein, e Lia Roitburd. Outros sócios do site incluem: Gabriel Dimenstein (também filho de Gilberto Dimenstein), Erika Cristina Domingues Vieira (produtora do documentário “É Preciso não Ter Medo – Relatos de Carlos Marighella“), Alexandre de Maio (idealizador e fundador da Revista Rap Brasil, também escreve para outro portal de esquerda, a “Agência Pública”, ligada a Leonardo Sakamoto e financiada por George Soros) e a empresa “Cidade Aberta Administradora de Empreendimentos Sociais Ltda”, que têm como sócios Gilberto Dimenstein e seus dois filhos.

Capital social e listagem de sócios do Catraca Livre. Fonte: Receita Federal
Capital social e listagem de sócios da empresa “Cidade Aberta Administradora de Empreendimentos Sociais Ltda”, sócia do Catraca Livre. Fonte: Receita Federal

25 COMENTÁRIOS

  1. Desde as santas casas comem dinheiro de todos os lados e nunca se restabele porque o dinheiro que entra vai pro bolso de algum indivíduo e não para a promoção da saúde do povo.se liga ou vc nao conhece o sistema de saude que mais enriquece o bolso dos nossos políticos sacados.

  2. Caetano, Ivete, Gilberto Gil e outros safados foram beneficiados por essa lei por muito tempo….Cultura nada! uma cambada de parasitas mesmo…não estão nem aí para o povo, apoiaram esse governo corrupto e ladrão em troca de verbas milionárias……não quero o meu dinheiro bancando esses caras….

  3. Se está incomodando a canalhada, está no caminho certo. É isso aí ILISP, não pode arregar um milímetro para esses vampiros de recursos privados.

  4. Parabéns, Marcelo. Acompanho os artigos do ILISP diariamente, você e sua equipe fazem um excelente trabalho.
    Agradeço por divulgar as ideias liberais e disseminar o conhecimento para as pessoas.
    Forte abraço!

  5. Conheci este site hoje e já te dou os parabéns, Marcelo. Vou divulgá-lo e visitá-lo direto. E lembre-se, todos os dias: a oposição de esquerdopatas só mostra que você está no caminho certo.

  6. Legal você ter uma opinião. Mas hoje o que temos de sobra é opinião e ninguém pra dar solução. Se você tiver uma solução legal e viável para ajudar os artistas, por favor, compartilhe. Porque se acha que acabar com artistas e também com esportistas é a solução (sim. Eles também se beneficiam dos impostos por projetos similares) você não está pronto para conviver em sociedade, já que não sabe a importância dessas áreas até para a formação do cidadão e como a cultura de um povo é um dos poucos legados que ficam para as futuras gerações. E se o que você tem é só opinião, escreva no seu perfil de Facebook. É o que pessoas que só tem opinião fazem.

    • Que tal os artistas fazerem sua arte com o próprio dinheiro, como fazem milhões de microempreendedores no Brasil, ao invés de viverem às custas do dinheiro dos pagadores de impostos tomado pelo estado? Cultura nunca precisou do estado para existir.
      No mais, escrevo onde eu quiser.

  7. Sim. E o que tem de errado? Algum crime foi cometido? Ou seu conhecimento sobre lei Rouanet é tão raso e tão anti cultura que só isso basta pra achar que tem algo errado? E outra… Sou artista, nunca fui beneficiado por nenhum projeto de qualquer nível de governo, mas sei a importância destes projetos. Aliás, este dinheiro todo que mencionou é dinheiro que seria engolido por impostos (entendo, você deve achar que já pagamos pouco impostos e deveríamos pagar mais em vez de patrocinar cultura que, diga-se de passagem, é OBRIGAÇÃO do Estado oferecer). E que falta de bom senso chamar artista de parasita. Profissionais que em qualquer lugar do mundo são as pessoas responsáveis por diversas mudanças sociais, diversas transformações de pensamento. Mas quando é na França é bonito. Quando é aqui é parasita. Ahhh sou formado em comunicação. Na época que escrevia para jornais como Correio Braziliense, tínhamos o costume de pesquisar sobre o assunto para não falar besteira e nem fazer matéria sensacionalista sem o mínimo embasamento. Um pouco mais de profundidade ou fecha a página para que profissionais de verdade possam ter oportunidade. Só não seja um parasita da área, já que seria muita hipocrisia chamar os outros de parasita sendo que age como um

  8. Marcelo, esse cabra que te criticou é mais um que usa a estratégia da mentira para desmerecer o trabalho sério e jogar uma cortina de fumaça nas merdas que apóia.

  9. Sim. E daí? Essa lei serve para distribuir parte de impostos que já seriam pagos a projetos de cultura e esse site tem uma agenda cultural muito forte. Essa matéria é só pra despertar ódio de gente desinformada ou vocês tavam com pouco assunto?

    • Essa lei serve para distribuir dinheiro dos pagadores de impostos para um punhado de artistas parasitas.
      Se você é a favor disso, nós não somos.

    • Ah sim, Ivete Sangalo, Luan Santana, Caetano Veloso e afins realmente precisam dessa lei, e desde quando o governo define o que é cultura? Você acha mesmo que ele irá incentivar a cultura de verdade ou irá inventivar apensa quem interesssa?
      Essa matéria só serve para despertar para o quanto estamos pagando por algo que não agrega de verdade, e para variar, cobrar valores altíssimos por um retorno pífio, ou você acha que realmente R$ 1,1 milhão de reais que eles receberam foram para a cultura?

    • De acordo! Não quero o meu suado dinheiro roubado pelo estado dado para um bando de parasitas que dizem que fazem cultura.

  10. Vocês são uma piada de mau gosto. Essa matéria foi roubada do “Terça Livre”, e vocês dão como fonte a Receita Federal”?
    Liberal é tudo uma cambada de mau caráter, mesmo.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here