Em nota oficial, Carta Capital admite ter recebido propina da Odebrecht

Em nota oficial divulgada no próprio site da Carta Capital, a revista admitiu que recebeu verbas da Odebrecht, empreiteira investigada pela operação Lava-jato, e justificou que não sabia sobre a origem do dinheiro. A revista mencionou que recebeu o adiantamento como forma de patrocínios e não como propina. No entanto, um dos patrocínios recebido pela revista, admitido pela própria revista, foi para fazer um evento com o economista Paul Krugman, que durante a palestra foi defender o governo do PT ao dizer que a economia brasileira ia muito bem, ao contrário do que dizia a maioria dos economistas na época. Um ano depois, o país mergulhou na maior recessão da história.

paul-krugman
Nota oficial da Carta Capital

Após o evento patrocinado pela Odebrecht, a revista ainda destacou a fala do economista Paul Krugman em uma matéria: “O brasil está se saindo muito bem”.

brasil-vai-bem

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here