Estatais financiaram “performance artística” em que mulheres urinam nas calças

Uma “performance artística” em que as mulheres urinam nas calças em público. E financiada por meio do dinheiro dos pagadores de impostos brasileiros. Essa é a proposta de “Transbordação”, produção criada pela mestranda em Artes Visuais pela Unicamp, Dora Smék.

De acordo com a autora da “obra artística”, durante a performance “o ato de urinar deixa de ser simplesmente uma necessidade fisiológica e passa a ser uma experiência poética”. O ato é feito por mulheres que se candidataram voluntariamente para participar. O financiamento, entretanto, não teve nada de voluntário.

A “performance” foi realizada primeiramente no Sesc Bom Retiro – entidade do Sistema S, financiado por meio de imposto sobre a folha salarial de todas as empresas do país e que pode chegar a até 0,5% ao mês e, portanto, na prática estatal – no dia 15 de setembro de 2016.

Na última quarta-feira (12), o ato voltou a ser realizado, dessa vez na Galeria Vermelho, dentro da programação da exposição “Verbo”, feita em parceria com a Associação Cultural Videobrasil, entidade que possui apoio do Sesc e patrocínio da Petrobras.

 

35 COMENTÁRIOS

  1. Acho que a volta ao berço das mulheres, depois de conseguirem um grande avanço em posição junto ao homem perante ao trabalho, elas deram uma guinada de ,180 graus sem direito a fazer charminho e demorar para voltar, foi quase vá de retro, para voltarem ao berço, mas do jeito que vai, logo voltarão ao útero materno.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here