DOE

Por que os “movimentos sociais” vermelhos nunca são responsabilizados por seus crimes?

Na última sexta-feira (04 de março), o líder da UJS, Renan Alencar, se pronunciou sobre a condução coercitiva do ex-presidente Luis Inácio Lula da Silva. No vídeo, o autor fez parecer que a ação da Polícia Federal foi parte de um golpe da oposição. Mas o surpreendente vem depois, quando Renan diz orgulhosamente:

“Vão ter que bater de frente com organizações como a União da Juventude Socialista, nós já viemos fazendo isso. E foi por isso que nós, numa atitude de coragem, furamos todos os ‘pixulecos’ que subiram Brasil a fora”

Veja o vídeo e tire suas conclusões:

Depois da fala, as pessoas presentes no seminário aplaudem com animação. O que movimentos como a UJS fazem orgulhosamente pode ser interpretado no Código Penal como:

“Dano
Art. 163 – Destruir, inutilizar ou deteriorar coisa alheia:
[…]

Dano qualificado
Parágrafo único – Se o crime é cometido:
I – com violência à pessoa ou grave ameaça;
[…]
IV – por motivo egoístico ou com prejuízo considerável para a vítima:

Pena – detenção, de seis meses a três anos, e multa, além da pena correspondente à violência.

Não é a primeira vez que os ditos “movimentos sociais” com forte viés ideológico esquerdista como UJS e MST fazem uso de tais práticas, desrespeitando a propriedade privada alheia cegos por suas ideologias. Isso ocorre com grande frequência mas nunca são responsabilizados por essas práticas. Seria pura coincidência ou se trata de uma imunidade criminal seletiva? A resposta fica a critério de cada um.

Está gostando do conteúdo? COMPARTILHE!

Mais Recentes

Liberdade para Trabalhar avança em Anápolis-GO com 297 atividades liberadas de alvará
Lançado no dia 29 de junho...
Ranking mundial da Forbes reconhece o ILISP como um dos think tanks com maior alcance nas redes sociais
Dois artigos publicados na Revista Forbes...
Liberdade para Trabalhar avança em Nova Friburgo-RJ com 289 atividades liberadas de alvará
Lançado no dia 29 de junho...
Projeto Liberdade para Trabalhar é lançado em Sergipe
Lançado nacionalmente no dia 29 de...
Liberdade para Trabalhar: Boa Vista-RR dispensa 297 atividades da necessidade de alvará
Lançado no dia 29 de junho,...
Em evento no Senado, ILISP lança o Mapa da Liberdade para Trabalhar
Um pequeno empreendedor que tirou a...

Leia Sempre Primeiro

Cadastre-se na nossa Newsletter e receba sempre em Primeira Mão!