DOE

Após rejeitar recursos do Santander, alunos da Unicamp protestam pela falta de verba

A reitoria da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp), foi ocupada na manhã desta quarta-feira (11), por cerca de 600 estudantes. Eles protestam contra a redução de verbas públicas, retirada do bolso dos trabalhadores, para a universidade.

O ato acontece dois meses após uma manifestação contra os investimentos do Santander na universidade, quando os manifestantes obrigaram todos os alunos a pularem a catraca do bandejão.

O protesto desta quarta-feira começou após o anúncio do corte de R$ 40 milhões para a instituição por parte do governo estadual. Os estudantes estão encapuzados e entraram pela lateral do prédio. A universidade, até o momento, não se pronunciou sobre a manifestação.

Está gostando do conteúdo? COMPARTILHE!

Mais Recentes

Liberdade para Trabalhar avança em Anápolis-GO com 297 atividades liberadas de alvará
Lançado no dia 29 de junho...
Ranking mundial da Forbes reconhece o ILISP como um dos think tanks com maior alcance nas redes sociais
Dois artigos publicados na Revista Forbes...
Liberdade para Trabalhar avança em Nova Friburgo-RJ com 289 atividades liberadas de alvará
Lançado no dia 29 de junho...
Projeto Liberdade para Trabalhar é lançado em Sergipe
Lançado nacionalmente no dia 29 de...
Liberdade para Trabalhar: Boa Vista-RR dispensa 297 atividades da necessidade de alvará
Lançado no dia 29 de junho,...
Em evento no Senado, ILISP lança o Mapa da Liberdade para Trabalhar
Um pequeno empreendedor que tirou a...

Leia Sempre Primeiro

Cadastre-se na nossa Newsletter e receba sempre em Primeira Mão!