DOE

Em “defesa da educação”, terroristas da esquerda destroem carros e Ministério da Educação

Em atos de terrorismo que a imprensa insiste em chamar de “manifestação”, a esquerda promoveu uma onda de destruição em Brasília nesta terça (29) em “protesto” contra a PEC 55 / 241, a PEC do óbvio, que define que o dinheiro tomado dos pagadores de impostos pelo estado não é infinito. Os terroristas afirmam que “defendem a educação”, a qual seria afetada pela PEC na visão dos vândalos.

A sessão de terrorismo incluiu a destruição de um carro da TV Record, três carros aleatórios incendiados e sete prédios de ministérios depredados, incluindo o Ministério da Educação, a qual os vândalos dizem defender.

Terroristas viraram e destruíram um carro da TV Record
Terroristas viraram e destruíram carro da TV Record

O Museu Nacional de Brasília também foi alvo de vandalismo e pichação, incluindo um texto onde a palavra “escola” foi inicialmente escrita como “escala” e posteriormente corrigida.

Catedral de Brasília é vandalizada por terroristas da esquerda
Museu Nacional de Brasília é vandalizada por terroristas da esquerda, com direito a erro de português

Está gostando do conteúdo? COMPARTILHE!

Mais Recentes

Liberdade para Trabalhar avança em Anápolis-GO com 297 atividades liberadas de alvará
Lançado no dia 29 de junho...
Ranking mundial da Forbes reconhece o ILISP como um dos think tanks com maior alcance nas redes sociais
Dois artigos publicados na Revista Forbes...
Liberdade para Trabalhar avança em Nova Friburgo-RJ com 289 atividades liberadas de alvará
Lançado no dia 29 de junho...
Projeto Liberdade para Trabalhar é lançado em Sergipe
Lançado nacionalmente no dia 29 de...
Liberdade para Trabalhar: Boa Vista-RR dispensa 297 atividades da necessidade de alvará
Lançado no dia 29 de junho,...
Em evento no Senado, ILISP lança o Mapa da Liberdade para Trabalhar
Um pequeno empreendedor que tirou a...

Leia Sempre Primeiro

Cadastre-se na nossa Newsletter e receba sempre em Primeira Mão!