DOE

Graças ao socialismo, preço do alho ultrapassa salário mínimo na Venezuela

Utilizar o alho na alimentação se tornou um luxo na ditadura socialista da Venezuela. O quilo da planta na capital do país, Caracas, chega a custar 200 mil bolívares enquanto o salário mínimo do país atualmente está em 177 mil bolívares ($1,83 dólares pela taxa de câmbio paralelo, $50 dólares pelo câmbio do governo). Como resultado, os comerciantes locais têm picado o alho e vendido cada parte separadamente ao custo de 14 mil bolívares por quatro pedaços.

Para efeito de comparação, no Brasil – que está longe de ser plenamente capitalista – o quilo do alho custa, no máximo, R$ 14,42 (o que corresponde a 1,5% do valor atual do salário mínimo, R$ 937,00).

“Os preços subiram porque há pouca oferta. Sobraram poucos produtores. Não há fertilizante para manter a produção e o frete está custando 40 mil bolívares”, afirmou um comerciante da planta, Manuel dos Santos.

Alho passou a ser vendido em pedaços na socialista Venezuela

O alho não é o único produto agrícola que enfrentou aumento de preços graças a escassez gerada pelo socialismo. Uma cebola, por exemplo, é vendida por 45 mil bolívares nos mercados venezuelanos.

De acordo com dados da consultoria Ecoanalítica, graças à desenfreada impressão de dinheiro feita pela ditadura de Nicolás Maduro, a inflação na Venezuela pode chegar a 1400% em 2017, com queda de 14% do Produto Interno Bruto (PIB) em um ano.

Está gostando do conteúdo? COMPARTILHE!

Mais Recentes

Liberdade para Trabalhar avança em Anápolis-GO com 297 atividades liberadas de alvará
Lançado no dia 29 de junho...
Ranking mundial da Forbes reconhece o ILISP como um dos think tanks com maior alcance nas redes sociais
Dois artigos publicados na Revista Forbes...
Liberdade para Trabalhar avança em Nova Friburgo-RJ com 289 atividades liberadas de alvará
Lançado no dia 29 de junho...
Projeto Liberdade para Trabalhar é lançado em Sergipe
Lançado nacionalmente no dia 29 de...
Liberdade para Trabalhar: Boa Vista-RR dispensa 297 atividades da necessidade de alvará
Lançado no dia 29 de junho,...
Em evento no Senado, ILISP lança o Mapa da Liberdade para Trabalhar
Um pequeno empreendedor que tirou a...

Leia Sempre Primeiro

Cadastre-se na nossa Newsletter e receba sempre em Primeira Mão!