DOE

Impostos sobre produtos consumidos no Carnaval chegam a 76%

Levantamento realizado pelo Instituto Brasileiro de Planejamento e Tributação (IBPT) mostra que os impostos sobre os produtos de Carnaval são um verdadeiro “me dá o dinheiro aí” estatal.

O estado toma o maior gole das principais bebidas alcoólicas: 76,66% na caipirinha, 62,2% do chope e 55,6% da cerveja, além de garantir 44,5% da lata de refrigerante e 37% da água mineral. ICMS e IPI são principais impostos sobre as bebidas.

As fantasias de Carnaval não escapam do assalto estatal. Impostos sobre colar havaiano (45,96%), spray de espuma (45,94%), máscara de plástico (43,93%), confete e serpentina (43,83%) e máscara de lantejoulas (42,71%), por exemplo, garantem que o estado esteja sempre pulando Carnaval com você.

Vai viajar? A passagem aérea possui 22,32% de impostos enquanto 29,5% do preço da hospedagem é roubado pelo estado. E nem a praia escapa: são 44% de impostos no óculos de sol e 37% de impostos no guarda-sol.

Está gostando do conteúdo? COMPARTILHE!

Mais Recentes

Liberdade para Trabalhar avança em Anápolis-GO com 297 atividades liberadas de alvará
Lançado no dia 29 de junho...
Ranking mundial da Forbes reconhece o ILISP como um dos think tanks com maior alcance nas redes sociais
Dois artigos publicados na Revista Forbes...
Liberdade para Trabalhar avança em Nova Friburgo-RJ com 289 atividades liberadas de alvará
Lançado no dia 29 de junho...
Projeto Liberdade para Trabalhar é lançado em Sergipe
Lançado nacionalmente no dia 29 de...
Liberdade para Trabalhar: Boa Vista-RR dispensa 297 atividades da necessidade de alvará
Lançado no dia 29 de junho,...
Em evento no Senado, ILISP lança o Mapa da Liberdade para Trabalhar
Um pequeno empreendedor que tirou a...

Leia Sempre Primeiro

Cadastre-se na nossa Newsletter e receba sempre em Primeira Mão!