DOE

Justiça da Venezuela condena dono de jornal à prisão por denunciar casos de corrupção

Nessa sexta-feira, um tribunal do interior da Venezuela condenou David Natera, dono do jornal Correo del Caroni, a quatro anos de prisão por difamação e injúria. As acusações são de 2013, quando o jornal fez denúncias de um esquema de corrupção na mineradora estatal Ferrominera De Orinoco. A defesa tem dez dias úteis para recorrer. Enquanto espera pela sentença final,  Netera não poderá sair do pais e terá que se apresentar a justiça a cada dez dias. Se a sentença for confirmada, provavelmente o jornal fechará as portas.

O Coreo del Caroni é um dos poucos jornais que não se alinharam ao governo ditatorial de Nicolas Maduro. A Sociedade Interamericana de Imprensa (SIP), ONGs e políticos opositores com o ex-candidato à presidência, Henrique Capriles, criticam Maduro pelo constante cerco à imprensa.

Está gostando do conteúdo? COMPARTILHE!

Mais Recentes

Liberdade para Trabalhar avança em Anápolis-GO com 297 atividades liberadas de alvará
Lançado no dia 29 de junho...
Ranking mundial da Forbes reconhece o ILISP como um dos think tanks com maior alcance nas redes sociais
Dois artigos publicados na Revista Forbes...
Liberdade para Trabalhar avança em Nova Friburgo-RJ com 289 atividades liberadas de alvará
Lançado no dia 29 de junho...
Projeto Liberdade para Trabalhar é lançado em Sergipe
Lançado nacionalmente no dia 29 de...
Liberdade para Trabalhar: Boa Vista-RR dispensa 297 atividades da necessidade de alvará
Lançado no dia 29 de junho,...
Em evento no Senado, ILISP lança o Mapa da Liberdade para Trabalhar
Um pequeno empreendedor que tirou a...

Leia Sempre Primeiro

Cadastre-se na nossa Newsletter e receba sempre em Primeira Mão!