DOE

Maduro afirma que “é uma questão de tempo” para que o Congresso da Venezuela seja fechado

Em mais uma amostra do “excesso de democracia” que se tornou o regime socialista de Nicolás Maduro, o presidente venezuelano informou ontem (17) que a Assembleia Nacional, controlada pela oposição, “perdeu vigilância política e é uma questão de tempo para que desapareça”. A declaração ocorreu após a Assembleia Nacional rejeitar, também ontem, o decreto de estado de exceção pretendido por Maduro para ter amplos poderes ditatoriais no país.

A declaração de Maduro reforça as suspeitas de que o Tribunal Supremo de Justiça (TSJ) venezuelano, totalmente controlado por Maduro, irá dissolver a Mesa Diretora do Parlamento com a desculpa de que a mesma tem “desacatado as ordens do Judiciário”, em outras palavras, do próprio TSJ de Maduro.

Está gostando do conteúdo? COMPARTILHE!

Mais Recentes

Liberdade para Trabalhar avança em Anápolis-GO com 297 atividades liberadas de alvará
Lançado no dia 29 de junho...
Ranking mundial da Forbes reconhece o ILISP como um dos think tanks com maior alcance nas redes sociais
Dois artigos publicados na Revista Forbes...
Liberdade para Trabalhar avança em Nova Friburgo-RJ com 289 atividades liberadas de alvará
Lançado no dia 29 de junho...
Projeto Liberdade para Trabalhar é lançado em Sergipe
Lançado nacionalmente no dia 29 de...
Liberdade para Trabalhar: Boa Vista-RR dispensa 297 atividades da necessidade de alvará
Lançado no dia 29 de junho,...
Em evento no Senado, ILISP lança o Mapa da Liberdade para Trabalhar
Um pequeno empreendedor que tirou a...

Leia Sempre Primeiro

Cadastre-se na nossa Newsletter e receba sempre em Primeira Mão!