DOE

Prefeitura cria piso tátil para deficientes visuais feito em zigue-zague

Uma obra que deveria facilitar a orientação de deficientes visuais nas calçadas tem causado confusão na praça central de Cabo Verde (MG). O piso tátil feito pela Prefeitura foi colocado em zigue-zague, de maneira confusa e pouco útil para quem não enxerga.

A justificativa do chefe de obras da prefeitura e responsável pela colocação dos pisos, Luiz Carlos Marques, é que o projeto veio da prefeitura desta maneira. Portanto, nada foi alterado. “Não teria como ser reto porque alguns bancos serão colocados no local”, explica.

O aposentado Aparecido da Conceição reclamou da pouca utilidade ao tentar caminhar pelo local. “Não serve pra nada e me deixa mais perdido ainda. Não consegui definir o destino e pra mim ficou mais perigoso”.

Piso tátil para deficientes visuais foi feito em zigue-zague

Está gostando do conteúdo? COMPARTILHE!

Mais Recentes

Liberdade para Trabalhar avança em Anápolis-GO com 297 atividades liberadas de alvará
Lançado no dia 29 de junho...
Ranking mundial da Forbes reconhece o ILISP como um dos think tanks com maior alcance nas redes sociais
Dois artigos publicados na Revista Forbes...
Liberdade para Trabalhar avança em Nova Friburgo-RJ com 289 atividades liberadas de alvará
Lançado no dia 29 de junho...
Projeto Liberdade para Trabalhar é lançado em Sergipe
Lançado nacionalmente no dia 29 de...
Liberdade para Trabalhar: Boa Vista-RR dispensa 297 atividades da necessidade de alvará
Lançado no dia 29 de junho,...
Em evento no Senado, ILISP lança o Mapa da Liberdade para Trabalhar
Um pequeno empreendedor que tirou a...

Leia Sempre Primeiro

Cadastre-se na nossa Newsletter e receba sempre em Primeira Mão!