DOE

Rombo de fundo de pensão das principais estatais chega a R$ 46 bi e você vai pagar

O déficit dos fundos de pensão de estatais está crescendo e vai pesar no bolso do contribuinte. Previ, do BB; Petros, da Petrobras; Funcef, da Caixa; e Postalis, dos Correios, acumulam um rombo de R$ 46 bi. A culpa dessa situação é dos partidos políticos ligados ao governo que usaram o dinheiro dos fundos como estratégia política e não como investimento com objetivo em rentabilidade.

Não há dúvidas que as estatais vão absorver parte desse rombo e outra parte será paga com o dinheiro dos funcionários públicos. E como as estatais são, em sua maioria, deficitárias, os prejuízos serão absorvidos pelo Tesouro Nacional, que usa o dinheiro de impostos para quitar dívidas. Ou seja, no final os trabalhadores do setor privado irão pagar a conta da ineficiência da administração pública, o que explica a urgência em aprovar mais um imposto: a CPMF.

 

Com Informações de O Globo

 

Está gostando do conteúdo? COMPARTILHE!

Mais Recentes

Liberdade para Trabalhar avança em Anápolis-GO com 297 atividades liberadas de alvará
Lançado no dia 29 de junho...
Ranking mundial da Forbes reconhece o ILISP como um dos think tanks com maior alcance nas redes sociais
Dois artigos publicados na Revista Forbes...
Liberdade para Trabalhar avança em Nova Friburgo-RJ com 289 atividades liberadas de alvará
Lançado no dia 29 de junho...
Projeto Liberdade para Trabalhar é lançado em Sergipe
Lançado nacionalmente no dia 29 de...
Liberdade para Trabalhar: Boa Vista-RR dispensa 297 atividades da necessidade de alvará
Lançado no dia 29 de junho,...
Em evento no Senado, ILISP lança o Mapa da Liberdade para Trabalhar
Um pequeno empreendedor que tirou a...

Leia Sempre Primeiro

Cadastre-se na nossa Newsletter e receba sempre em Primeira Mão!