DOE

Terrorista que matou 50 pessoas em boate LGBT era homossexual

O terrorista Omar Mateen, que matou 50 pessoas e feriu outras 53 em uma boate LGBT na cidade de Orlando, Flórida, além de ser muçulmano e filiado ativo do Partido Democrata, o principal partido de esquerda dos Estados Unidos, também era homossexual.

De acordo com funcionários da boate Pulse, onde ocorreu o atentado, Omar era frequentador assíduo da boate e teve que ser expulso da mesma por diversas vezes por mau comportamento. Um amigo de Omar informou que o terrorista frequentava boates LGBT desde 2006 e que chegou a “ir a alguns bares gays com ele”. Uma das performistas na boate, Chris Callen, confirmou que viu Omar “várias vezes na Pulse e muitas outras pessoas o viram também”.

Além disso, Omar também utilizava o Jack’d, um aplicativo para buscar parceiros para encontros homossexuais, de acordo com as buscas feitas no celular do terrorista pelo FBI.

Compartilhe nas redes sociais:

Mais Recentes

Boa Vista/RR se torna a capital mais livre para trabalhar do Brasil
A cidade de Boa Vista, capital...
Liberdade para Trabalhar avança em Anápolis-GO com 297 atividades liberadas de alvará
Lançado no dia 29 de junho...
Ranking mundial da Forbes reconhece o ILISP como um dos think tanks com maior alcance nas redes sociais
Dois artigos publicados na Revista Forbes...
Liberdade para Trabalhar avança em Nova Friburgo-RJ com 289 atividades liberadas de alvará
Lançado no dia 29 de junho...
Projeto Liberdade para Trabalhar é lançado em Sergipe
Lançado nacionalmente no dia 29 de...
Liberdade para Trabalhar: Boa Vista-RR dispensa 297 atividades da necessidade de alvará
Lançado no dia 29 de junho,...