DOE

União Europeia quer roubar R$ 46 bi da Apple através de impostos

A Comissão Europeia concluiu nesta terça-feira (30/08) que a Irlanda concedeu benefícios fiscais “ilegais” à Apple e deverá recuperar 13 bilhões de euros, mais juros, por impostos não cobrados entre 2003 e 2014.

“Os Estados-membros não podem conceder benefícios fiscais a empresas seletas. Esta prática é ilegal sob as regras da UE relativas a ajudas estatais”, explicou a comissária europeia de Concorrência, Margrethe Vestager, lamentando que Dublin tenha permitido que a Apple “pagasse significativamente menos, durante muitos anos”.

A baixa taxa de imposto na Irlanda é um dos motivos do país ter tido o maior crescimento econômico da história e isso provavelmente tem causado ira nos países europeus vizinhos.  Mais um motivo para sair da União Européia.

Está gostando do conteúdo? COMPARTILHE!

Mais Recentes

Liberdade para Trabalhar avança em Anápolis-GO com 297 atividades liberadas de alvará
Lançado no dia 29 de junho...
Ranking mundial da Forbes reconhece o ILISP como um dos think tanks com maior alcance nas redes sociais
Dois artigos publicados na Revista Forbes...
Liberdade para Trabalhar avança em Nova Friburgo-RJ com 289 atividades liberadas de alvará
Lançado no dia 29 de junho...
Projeto Liberdade para Trabalhar é lançado em Sergipe
Lançado nacionalmente no dia 29 de...
Liberdade para Trabalhar: Boa Vista-RR dispensa 297 atividades da necessidade de alvará
Lançado no dia 29 de junho,...
Em evento no Senado, ILISP lança o Mapa da Liberdade para Trabalhar
Um pequeno empreendedor que tirou a...

Leia Sempre Primeiro

Cadastre-se na nossa Newsletter e receba sempre em Primeira Mão!