DOE

Bolsonaro no Canal Livre: o despreparo de quem vive dos pagadores de impostos há 27 anos

Resolvi fazer um resumo da entrevista de Bolsonaro no Canal Livre da Band. As perguntas dos (péssimos) entrevistadores estão no começo de cada linha, a resposta de Bolsonaro vem logo depois e meio comentário vem em parênteses. Acompanhe:
– Que estatais podem ser extintas? Temos que estudar (ou seja, não sabe o nome de uma)
– Que estatais devem ser privatizadas? Tem que privatizar, mas temos que estudar (idem acima)
– Qual o seu maior projeto em 27 anos? O voto impresso! (Venezuela também tem e continua tendo fraudes. Nada na área de segurança? Nada em economia? Que beleza de mandato!)
– Qual a reforma geral da previdência que você defende? Temos que estudar (afinal, nem há um rombo gigante na previdência, podemos ficar esperando…)
– Reforma da previdência para militares? Só se tiverem FGTS e direito à greve (fim da estabilidade também, Bolsonaro?)
– Como irá governar sem apoio no Congresso? Se o meu grupo político estiver bem, vai dar certo (Collor pensava assim também)
– Qual o seu projeto para a segurança? Resolver a economia ajuda (ué, mas segurança não era mais importante que economia?)
– Sim, mas qual é o seu projeto? Os outros não têm projeto nenhum! (fugiu da pergunta)
– E as drogas na fronteira? Não temos como controlar, é muito grande (ué, mas ao mesmo tempo quer manter a guerra às drogas no país inteiro?)
– Quais seriam suas reformas microeconômicas? Não pode vender terra pra China! (parece até que ele acha que os compradores iriam teletransportar o terreno pra China)
– Como combater o déficit? Eu perguntaria para os meus economistas (isto vai “funcionar” nos debates que é uma beleza…)
– E os impostos? Acabei de aprender a Curva de Laffer, temos que ter outras formas de melhorar a economia (quais, imprimir mais dinheiro ou emitir dívida?)

Ou seja, um candidato despreparado mesmo vivendo há 27 anos às custas dos pagadores de impostos na Câmara (e votando igual ao PT nos principais temas que fizeram o país avançar). Mostra bem o fundo do poço em que chegou a política brasileira.

PS: É igualmente triste ter uma imprensa que acredita que ministérios devem ser ocupados com base na cor da pele ou sexo, e que inventa números como “metade dos homicídios anuais no Brasil são praticados pela polícia”. São patetas que pensam que estão atacando Bolsonaro quando, na verdade, estão fazendo campanha para ele.

Está gostando do conteúdo? COMPARTILHE!

Mais Recentes

Liberdade para Trabalhar avança em Anápolis-GO com 297 atividades liberadas de alvará
Lançado no dia 29 de junho...
Ranking mundial da Forbes reconhece o ILISP como um dos think tanks com maior alcance nas redes sociais
Dois artigos publicados na Revista Forbes...
Liberdade para Trabalhar avança em Nova Friburgo-RJ com 289 atividades liberadas de alvará
Lançado no dia 29 de junho...
Projeto Liberdade para Trabalhar é lançado em Sergipe
Lançado nacionalmente no dia 29 de...
Liberdade para Trabalhar: Boa Vista-RR dispensa 297 atividades da necessidade de alvará
Lançado no dia 29 de junho,...
Em evento no Senado, ILISP lança o Mapa da Liberdade para Trabalhar
Um pequeno empreendedor que tirou a...

Leia Sempre Primeiro

Cadastre-se na nossa Newsletter e receba sempre em Primeira Mão!